Presidente do Vitória anuncia acerto com atacante Jordy Caicedo

Jordy Caicedo é finalmente jogador do Vitória. Nesta quarta-feira, o presidente da equipe baiana, Paulo Carneiro, anunciou no Twitter que o clube chegou a um acerto com o atacante equatoriano de 21 anos, que já estava em Salvador há cerca de duas semanas. A contratação ainda não tinha sido oficializada por entraves nos trâmites burocráticos.

Caicedo estava no El Nacional, tendo disputado 13 partidas neste ano, com sete gols marcados. Em 2017, o atacante fez parte do grupo equatoriano vice-campeão do Sul-Americano sub-20, marcando três gols na competição.

Antes do El Nacional, Caicedo atuou por três temporadas pela Universidad Católica. Dessa forma, será a primeira vez que o atacante jogará fora do Equador. Sua última partida foi em maio deste ano, na derrota para o Macará, pelo Campeonato Equatoriano.

Atualmente, o Vitória conta com Anselmo Ramon e Eron para o ataque. No Campeonato Brasileiro, o Rubro-Negro está na 18ª colocação, com 11 pontos somados. Na próxima rodada, o time enfrenta o Brasil de Pelotas, fora de casa, no sábado, às 11h.

O post Presidente do Vitória anuncia acerto com atacante Jordy Caicedo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Figueirense e Vitória ficam no empate e não sobem na tabela

Nesta terça-feira, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, Figueirense e Vitória ficaram em um empate por 1 a 1 no Orlando Scarpelli. O gol do Figueira foi marcado por Willian Popp, enquanto Anselmo Ramon fez para o Rubro-Negro. Na segunda etapa, o lateral-direito Victor Guilherme, do Figueirense, foi expulso ao tomar o segundo cartão amarelo.

Figueirense abriu o placar, mas cedeu o empate poucos minutos depois (Foto: Matheus Dias/Figueirense)

O Figueirense abriu o placar logo aos 16 minutos da primeira etapa. Após bate e rebate na entrada da área, Tony ajeitou de cabeça para Willian Popp, que finalizou de esquerda e rasteiro para marcar. O empate do Vitória veio apenas sete minutos depois: Felipe Gedoz bateu falta pela esquerda e Anselmo Ramon subiu bem para testar para baixo e deixar tudo igual.

Com o resultado, o Figueira estaciona na 10ª colocação, com 19 pontos somados. Na próxima rodada, a equipe catarinense enfrenta o Vila Nova, fora de casa, no sábado, às 19h15. Enquanto isso, o Vitória permanece na zona de rebaixamento, na 17ª posição, com 11 pontos conquistados. O próximo compromisso do time será contra o Brasil de Pelotas, no sábado, às 11h.

FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE 1 X 1 VITÓRIA

Local: Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Data: Terça-Feira, 30 de julho de 2019
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Fabricio Porfirio de Moura (SP)
Cartões amarelos: Victor Guilherme, Alemão (Figueirense); Van, Bruno Bispo (Vitória)
Cartão vermelho: Victor Guilherme (Figueirense)

Gols: Willian Popp (Figueirense, 16 minutos do 1º tempo) e Anselmo Ramon (Vitória, 23 minutos do 1º tempo)

 

FIGUEIRENSE: Denis; Victor Guilherme, Pereira, Alemão e Matheus Destro; Zé Antônio, Betinho (Juninho) e Tony; Fellipe Mateus (Robertinho), Willian Popp e Rafael Marques (Matheus Lucas)
Técnico: Márcio Coelho (interino)

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Van (Matheus Rocha), Bruno Bispo, Ramon e Capa (Nickson); Baraka, Ruy (Wesley), Léo Gomes e Felipe Gedoz; Chiquinho e Anselmo Ramon
Técnico: Osmar Loss

O post Figueirense e Vitória ficam no empate e não sobem na tabela apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Vitória anuncia rescisão de contrato do centroavante Neto Baiano

Neto Baiano encerra sua quarta passagem pelo Vitória (Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória)

O centroavante Neto Baiano não vestirá mais a camisa do Vitória. Em comunicado pelas redes sociais, o Rubro-Negro anunciou a rescisão, em comum acordo, do vínculo com o jogador de 36 anos, que encerra sua quarta passagem pelo clube baiano.

Contratado no início do ano, o atacante assinou contrato de produtividade até o mês de maio. Então, acertou uma renovação recentemente e agora rescindiu com o Leão. Ele deixa o clube com 17 partidas disputadas e um gol marcado, tendo ficado no banco de reservas nos últimos jogos.

Para completar a lacuna deixada no setor ofensivo, o jovem Eron, que estava disputando o Campeonato Brasileiro de Aspirantes com o grupo sub-23, será promovido ao time profissional. Além dele, o técnico Osmar Loss ainda conta com Anselmo Ramon.

Maior artilheiro da história do Barradão, com 53 gols, Neto Baiano iniciou sua trajetória no Vitória em 2009. No mesmo ano, saiu para o futebol japonês e voltou em 2011. No meio de 2012, novamente deixou a equipe baiana para jogar no Japão. Em 2015, retornou ao Leão, mas foi afastado e assinou com o Criciúma.

O post Vitória anuncia rescisão de contrato do centroavante Neto Baiano apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Em meio à crise e ameaça de greve, Figueirense recebe Vitória pela Série B

O clima segue tenso no Orlando Scarpelli. Com ameaça de greve dos jogadores devido a salários atrasados, o Figueirense recebe o Vitória, nesta terça, às 19h15 (horário de Brasília), em Florianópolis, pela 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Quem anunciou a possibilidade de greve foi o próprio técnico Hemerson Maria após o clássico contra o Criciúma pela última rodada. A equipe não treinou no domingo e ameaça não entrar em campo. Caso isto se concretize, será decretado W.O., o Figueira perderá por 3 a 0 e ainda poderá receber multa de R$ 100 a R$ 100 mil.

(Foto: Matheus Dias/FFC)

“Os atletas já falaram que não vão treinar e que na terça-feira não vão jogar se não pagarem. Parece que estamos blefando, mas já olhamos qual a pena para o clube”, declarou o comandante.

Na tabela, a situação não é tão desesperadora quanto nas contas. A equipe catarinense é a 10ª colocada com 18 pontos, três a menos que o Sport, que fecha o G4, e oito acima do próprio Vitória, primeira equipe dentro da zona de rebaixamento.

Apesar de ainda figurar no Z4, a situação momentânea da equipe baiana parece melhor que do rival. Independente da realização, ou não, da greve do Figueirense, o Vitória vem empolgado após virada dentro de casa contra a Ponte Preta na última rodada.

O Rubro-Negro vem se recuperando nas últimas rodadas, com duas vitórias nos últimos três jogos, e pode sair da degola. Para isso, precisa vencer e torcer para o Vila Nova no máximo empatar confronto contra o Brasil de Pelotas fora de casa. Ou, se empatar, torcer para uma derrota dos goianos e no máximo um empate de São Bento e Guarani.

FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE X VITÓRIA

Local: Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Data: Terça-Feira, 30 de julho de 2019
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Fabricio Porfirio de Moura (SP)

FIGUEIRENSE: Denis; Victor Guilherme, Ruan Renato, Alemão e Matheus Destro; Zé Antônio, Betinho e Tony; Fellipe Mateus, Willian Popp e Juninho
Técnico: Márcio Coelho (interino)

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Matheus Rocha, Bruno Bispo, Ramon e Chiquinho; Baraka, Lucas Cândido, Léo Gomes e Felipe Gedoz; Wesley e Anselmo Ramon
Técnico: Osmar Loss

O post Em meio à crise e ameaça de greve, Figueirense recebe Vitória pela Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Vitória vira sobre Ponte Preta em casa e se recupera na Série B

O Vitória conquistou importante triunfo pela Série B do Campeonato Brasileiro. Em partida contra a Ponte Preta neste sábado, no Barradão, a equipe baiana venceu a equipe do interior paulista, de virada, por 2 a 1.

Todos os gols da partida foram marcados ainda na primeira etapa. O time de Campinas abriu o placar logo aos 12 minutos com Roger. O Rubro-Negro respondeu com Chiquinho, em cobrança de falta, aos 37, e com Felipe Gedoz aos 41.

(Foto: Divulgação/Vitória)

Com o resultado, a Ponte Preta perdeu posições, caindo para 8º, estacionado nos 19 pontos, dois a menos que o Londrina, primeiro time no G4 da Série B.

Já o Vitória não sai da zona do rebaixamento, mas melhora sua pontuação e ultrapassa São Bento e Guarani. O clube soteropolitano é o 17º colocado com dez pontos, um a menos que o Vila Nova, que joga logo mais, às 19h (horário de Brasília), contra o líder Bragantino no Serra Dourada.

O jogo – Os visitantes saíram na frente do placar na primeira grande oportunidade da partida. Após receber na ponta esquerda, Diego Renan deu uma finta no marcador e cruzou na direção da área. Roger se desvincilhou dos dois zagueiros e apareceu livre, de frente para o gol, para cabecear com firmeza para o fundos das redes. 1 a 0 para os paulistas.

A reação do Rubro-Negro veio na parte final da primeira etapa. Aos 37 minutos, Chiquinho deixou tudo igual. Em cobrança de falta na intermediária, o lateral encheu o pé, a bola passou no meio da barreira, que abriu após o chute, e entrou no canto esquerdo da meta.

Quatro minutos depois, a equipe baiana virou o placar. Felipe Gedoz é acionado no comando de ataque após saída de jogo equivocada de Diego Renan. O camisa 10 tabelou com Anselmo Ramon, recebeu na entrada da área e bateu firme rasteiro buscando o canto esquerdo para marcar.

A segunda etapa foi menos movimentada e sem alterações no placar. Aos 40, o Rubro-Negro teve uma boa chance para ampliar a vantagem, mas a bola não entrou. Autor do primeiro gol, Chiquinho cruzou rasteiro para Anselmo Ramon, o camisa 9 chegou na bola mas bateu à esquerda da trave.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 2X1 PONTE PRETA

Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data: Sábado, 27 de julho de 2019
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Marcus Vinicius Gomes (MG)
Cartões amarelos: Anselmo Ramon, Wesley, Matheus Rocha e Ruy (Vitória); Diego Renan, Marquinhos, Airton e Guilherme Guedes (Ponte Preta)
Gols: Roger, aos seis minutos do primeiro tempo, para a Ponte Preta; Chiquinho, aos 37 minutos do primeiro tempo, e Felipe Gedoz, aos 41 do primeiro tempo, para o Vitória.

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Matheus Rocha, Bruno Bispo, Ramon e Chiquinho (Van); Baraka, Lucas Cândido, Léo Gomes e Felipe Gedoz (Capa); Wesley (Ruy) e Anselmo Ramon
Técnico: Osmar Loss

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Airton e Henrique Trevisan (Guilherme Guedes); Edson, Camilo (João Carlos), Gerson Magrão e Matheus Vargas; Marquinhos (Tiago Marques) e Roger
Técnico: Jorginho

O post Vitória vira sobre Ponte Preta em casa e se recupera na Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Ponte Preta quer voltar a vencer diante do pressionado Vitória

Partida será no Barradão, em Salvador (Foto: Reprodução/Twitter/ECV)

A Ponte Preta não vence há dois jogos no Campeonato Brasileiro Série B, mas pode mudar isso neste sábado. Às 16h30, no Barradão, a equipe de Campinas visita o Vitória, pressionado por resultados depois de um início muito ruim na competição.

Mesmo jogando em casa, o Vitória não entra em campo como favorito. O time baiano ocupa a 18ª posição da Série B com apenas sete pontos em 11 rodadas disputadas, carregando a pior defesa da competição (23 gols sofridos) e o pior saldo de gols (-12).

Na última partida, o Vitória deu sinais de reação, mas acabou levando um banho de água fria. Diante do Londrina na casa do adversário, o Leão saiu na frente no início do jogo, mas sofreu a virada no segundo tempo e conheceu sua oitava derrota na competição.

Aproveitando a má fase do time local, a Ponte Preta vai a Salvador em busca dos três pontos. A Veterana quer voltar a vencer depois de dois jogos sem vitória: derrota para o Bragantino na última rodada e empate sem gols com o Atlético Goianiense na partida anterior.

Apesar da seca recente de pontos, a Ponte Preta continua como um dos principais candidatos ao acesso à Série A, ocupando a quinta posição da tabela com 19 pontos. A equipe de Campinas está a quatro pontos do líder Bragantino, com quem divide o posto de melhor ataque da Série B, com 16 gols marcados.

Depois da derrota para o Bragantino, o goleiro ponte-pretano Ivan espera uma reação na Bahia. “O campeonato é longo, temos que reagir o quanto antes e vamos tentar fazer isso logo, no sábado, contra o Vitória. Nosso foco é colocar a Ponte na primeira divisão e faremos de tudo para buscar esses pontos”.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA x PONTE PRETA

Local: Estádio do Barradão, em Salvador (BA)
Data: 27 de julho de 2019, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Marcus Vinicius Gomes (MG)

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Matheus Rocha, Dedé (Bruno Bispo), Ramon e Chiquinho; Baraka, Léo Gomes e Felipe Gedoz; Ruy, Wesley e Anselmo Ramon
Técnico:  Osmar Loss

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Airton e Henrique Trevisan (Guilherme Guedes); Gerson Magrão, Camilo, Tiago Real, Matheus Vargas e Marquinhos; Roger
Técnico: Jorginho

O post Ponte Preta quer voltar a vencer diante do pressionado Vitória apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Londrina faz 2º tempo arrasador, vira sobre o Vitória e entra no G4 da Série B

O Londrina está na cola do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Recebendo o Vitória na noite desta terça-feira, no estádio do Café, os donos da casa começaram mal, porém, reagiram no segundo tempo e conseguiram sair de campo com o importantíssimo triunfo por 3 a 1, de virada, graças aos gols de Anderson Oliveira (2) e Dagoberto. Felipe Gedoz abriu o placar para o Leão.

Com o resultado, o Londrina foi a 20 pontos e desbancou a Ponte Preta do G4 da Segundona. A equipe do interior paranaense passou a figurar entre os quatro primeiros colocados porque a Macaca acabou perdendo o confronto direto com o Bragantino, também nesta terça-feira.

O Vitória, por sua vez, segue capengando na Série B. Iniciando a rodada com o objetivo de sair da zona de rebaixamento, a equipe comandada por Osmar Loss somou sua oitava derrota na competição e permanecerá na 18ª colocação na tabela, com oito pontos.

Anderson Oliveira foi o destaque da noite, marcando dois gols e dando uma assistência (Foto: Divulgação/Londrina E.C.)

O jogo – Logo aos oito minutos o Vitória mostrou a que veio. Matheus rocha recebeu na direita e cruzou na área, encontrando Anselmo Ramon, que cabeceou firme, no cantinho, tirando tinta da trave esquerda do goleiro Matheus Albino. O Londrina, por sua vez, respondeu aos 15, quando Alisson Safira tocou para trás ao impedir que a bola saísse pela linha de fundo, acionando Anderson Oliveira, que dominou dentro da área e soltou uma bomba, mas Martín Rodríguez fez grande defesa.

Mas, a paz dos torcedores do Londrina durou pouco. Pouco depois de os donos da casa quase abrirem o placar, Felipe Gedoz tratou de acabar com a festa no interior do Paraná. Aos 17, o meia cobrou falta colocada, por cima da barreira, e viu a bola ainda explodir na trave antes acabar no fundo das redes de Matheus Albino.

Daí em diante o Vitória se acomodou um pouco na partida e passou a não incomodar tanto quanto no início do jogo. Desta forma, a equipe rubro-negra acabou castigada pouco antes de ir para o intervalo, mais precisamente aos 44 minutos, quando Anderson Oliveira resolveu experimentar de muito longe e acabou tendo sucesso com seu arremate, deixando tudo igual no Estádio do Café.

Segundo tempo

Se o Londrina iniciou o primeiro tempo em marcha lenta, no começo da etapa complementar os donos da casa mostraram uma postura completamente diferente. Logo no primeiro minuto, o Tubarão não tomou conhecimento do Vitória e virou a partida com Dagoberto, que apareceu no lugar certo para completar o cruzamento rasteiro de Anderson Oliveira.

Dois minutos depois, aos três, o Londrina não desperdiçou o bom momento no jogo e tratou de ampliar com Anderson Oliveira, destaque da partida. Depois de marcar o primeiro gol e dar o passe para o segundo tento do Londrina, o atacante novamente foi às redes, desta vez acompanhando o raciocínio de Anderson Leite, que fez o corta-luz após passe de Dagoberto, e batendo sem chances para Martín Rodríguez.

E a vitória do Londrina só não se transformou em goleada porque Martín Rodríguez freou o ímpeto dos rivais. Aos 26 minutos, Raí Ramos decidiu arriscar de longe, forçando boa defesa do goleiro do Vitória. No rebote, o próprio Raí Ramos cruzou na cabeça de Dagoberto, que apareceu entre a defesa para arrematar, mas mandou para fora. Assim, coube ao Leão se conformar com mais uma derrota na Série B e a permanência na zona de rebaixamento da competição.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 3 X 1 VITÓRIA

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: 23 de julho de 2019, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Edson Antônio de Sousa (GO) e Hugo Sávio Xavier Corrêa (GO)

Gols: Felipe Gedoz, aos 17 do 1ºT (Vitória); Anderson Oliveira, aos 44 do 1ºT e 3 do 2ºT, e Dagoberto, ao 1 do 2ºT (Londrina)
Cartões amarelos: Marcondes, Augusto (Londrina); Felipe Gedoz (Vitória)

LONDRINA: Matheus Albino; Raí Ramos, Marcondes, Augusto (Silvio) e Matheus Bertotto (Bruno Paulista); Anderson Leite, Germano e Anderson Oliveira; Paulinho Moccelin (Luidy), Alisson Saifra e Dagoberto
Técnico: Alemão

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Matheus Rocha, Everton Sena (Bruno Bispo), Ramon e Chiquinho; Baraka, Léo Gomes e Felipe Gedoz (Nickson); Ruy (Thiaguinho), Wesley e Anselmo Ramon
Técnico:  Osmar Loss

O post Londrina faz 2º tempo arrasador, vira sobre o Vitória e entra no G4 da Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Londrina recebe o Vitória sonhando com entrada no G4 da Série B

De um lado, o desejo de se manter entre os primeiros colocados e brigar por uma vaga no G4. Do outro, a motivação de vencer o segundo jogo consecutivo para deixar a zona de rebaixamento. É nesse cenário que Londrina e Vitória se enfrentam nesta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no Estádio do café, pela 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com 17 pontos, o Tubarão entra na rodada ocupando a sexta colocação, três pontos atrás do líder Bragantino. O Vitória, que voltou a vencer na última sexta-feira, ao fazer 2 a 0 no Criciúma, é o 18º com apenas sete pontos conquistados, quatro a menos que o Vila Nova, primeiro time na zona de rebaixamento.

Londrina briga pelas primeiras posições da Série B (Foto: Gustavo Oliveira/LEC)

Para o compromisso dentro de seus domínios, o técnico Alemão, do Londrina, terá de lidar com alguns desfalques. Além do lateral-direito Helder, que está em período de transição após se recuperar de uma lesão no músculo adutor e uma osteíte púbica, e do volante Pedro Cacho, com uma lesão na coxa, Breno, expulso contra o Figueirense, é mais um que fica fora.

Sem o lateral-esquerdo titular, não há uma definição quanto ao substituto. De ofício, o treinador conta com Victor Luiz e o jovem Felipe Camillo. Outra possibilidade é a improvisação do zagueiro Sílvio ou do volante Matheus Bertotto, que entrou na vaga de Breno após a expulsão.

Apesar dos desfalques, o Londrina também terá um importante retorno. Depois de retornar aos treinamentos na última semana após ficar um mês fazendo um trabalho de recuperação física em uma clínica particular em Maringá, Dagoberto voltou a ser relacionado. A última partida do atacante foi dia 7 de junho, contra o Cuiabá, na sétima rodada da Série B.

Vitória tenta deixar as últimas posições (Foto: Divulgação)

Do lado do Vitória, o desejo é pela confirmação do bom momento depois da vitória diante do Criciúma, conquistada na última sexta-feira. Sem desfalques, o treinador Osmar Loss deve levar a campo a mesma equipe da última rodada. Inclusive, com a dupla Ruy e Felipe Gedoz, que atuou junta nos últimos dois jogos e foi bastante elogiada pelo comandante.

“A gente sabe que Ruy, de origem, não é um atacante de beirada, mas vem cumprindo bem a função. A gente pede para que, quando a gente tem a bola, ele se somar no meio para ser o quarto homem no meio e termos a superioridade numérica, com Gedoz pela esquerda e Ruy pela direita. Se aproximar de Anselmo Ramon e facilitar as triangulações pelos lados do campo”, explicou Loss.

Mesmo com um triunfo nesta terça-feira, o Vitória ainda terá de permanecer por mais uma rodada na zona de rebaixamento, já que a vantagem para o Vila Nova, primeiro time fora da região do descenso, é de quatro pontos. Mesmo assim, o discurso internamente é de pensar jogo a jogo.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA X VITÓRIA

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: Terça, 23 de Julho de 2019
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Edson Antonio de Sousa (GO) e Hugo Savio Xavier Correa (GO)

LONDRINA: Matheus Albino; Raí Ramos, Augusto, Marcondes e Matheus Bertotto 9Victor Luiz); Anderson Leite, Germano, Higor Leite; Paulinho Moccelin, Alisson Safira e Anderson Leite
Técnico: Alemão

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Matheus Rocha, Everton Sena, Ramon e Chiquinho; Baraka, Léo Gomes, Ruy; Felipe Gedoz, Anselmo Ramon e Anselmo
Técnico: Osmar Loss

O post Londrina recebe o Vitória sonhando com entrada no G4 da Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Vitória vence Criciúma e deixa a lanterna da Série B provisoriamente

Anselmo Ramon marcou de peixinho o segundo gol do Vitória (Foto: Pietro Carpi/EC Vitória)

O Vitória deixou provisoriamente a lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta sexta-feira, o rubro-negro baiano recebeu o Criciúma no Barradão, pela 10ª rodada, e venceu pelo placar de 2 a 0. Os dois gols foram marcados pelo centroavante Anselmo Ramon.

Com o resultado, o Vitória chega a sete pontos conquistados e ocupa, no momento, a 18ª colocação. Guarani e América-MG, ambos com cinco pontos, ainda jogam na rodada. O Tigre, por sua vez, cai para a 13ª posição com 12 pontos, mesmo número de Brasil de Pelotas e Cuiabá, que ficam na frente por conta dos critérios de desempate.

Agora, ambos os clubes entram em campo pelo Brasileirão na terça-feira, dia 23, às 21h30 (de Brasília). Os baianos visitam o Londrina no Estádio do Café, enquanto os catarinenses enfrentam o CRB no Estádio Rei Pelé.

O jogo

O confronto começou com o Vitória superior ao Criciúma, chegando mais perto do gol. A primeira boa chance veio aos 12 minutos, em cobrança de falta de Felipe Gedoz. O camisa 10 bateu forte por cima da barreira, mas mandou para fora, perto da meta catarinense. Três minutos depois, Chiquinho passou para Gedoz, que tocou de primeira para Anselmo Ramon na entrada da área. O centroavante girou bem e chutou rasteiro pela linha de fundo, levando perigo ao Carvoeiro mais uma vez.

O Criciúma respondeu aos 20 minutos da primeira etapa. Em jogada individual, Vinicius ajeitou para a perna direita e arriscou a finalização de fora da área. Contudo, o atacante jogou para fora, à direita do gol de Martín Rodríguez.

Então, partida ficou mais equilibrada e as oportunidades passaram a ser mais raras. O último lance de perigo da primeira etapa veio dos pés do lateral-esquerdo Marlon. Aos 43 minutos, o jogador do Tigre encheu o pé em cobrança de falta e mandou rente à trave esquerda do rubro-negro.

Na volta do intervalo, o Vitória mostrou mais intensidade e retomou o domínio do jogo. E aos 15 minutos, Wesley desperdiçou uma grande chance. Felipe Gedoz girou e achou o camisa 11 no meio da área. Completamente livre, o atacante pegou mal na bola e mandou pela linha de fundo.

Aos 20, Anselmo Ramon mostrou vontade e oportunismo para colocar o Leão na frente. O camisa 9 aproveitou vacilo de Derlan, recuperou a posse e saiu na cara de Luiz. De frente para o arqueiro, ele bateu rasteiro e tirou o zero do placar.

Seis minutos depois, Anselmo Ramon, de novo, ampliou a vantagem do Vitória. Matheus Rocha cruzou pelo lado direito e o centroavante se esticou todo para completar de peixinho para o fundo das redes, dando números finais à partida e garantindo o segundo triunfo do clube baiano no Brasileirão.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 2 X 0 CRICIÚMA

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA)
Data: Sexta-feira, 19 de julho de 2019
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milcvski (PR)
Assistentes: Luiz H Souza Santos Renesto (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)
Cartões amarelos: Wesley, Anselmo Ramon e Léo Gomes (Vitória); Marcos Vinícius, Platero, Eduardo, Liel e Caíque (Criciúma)
Gols: Anselmo Ramon, aos 20 minutos do segundo tempo; Anselmo Ramon, aos 26 minutos do segundo tempo (Vitória)

VITÓRIA: Martín Rodriguez, Matheus Rocha, Ramon, Everton Sena e Chiquinho; Baraka, Léo Gomes, Felipe Gedoz (Lucas Cândido) e Ruy (Nickson); Wesley (Thiaguinho) e Anselmo Ramon.
Técnico: Osmar Loss

CRICIÚMA: Luiz; Marcos Vinícius, Platero, Derlan e Marlon; Jean Mangabeira (Bruno Cosendey), Liel, Eduardo (Caíque) e Reis; Vinicius (Julimar) e Léo Gamalho.
Técnico: Gilson Kleina

O post Vitória vence Criciúma e deixa a lanterna da Série B provisoriamente apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Vitória recebe Criciúma buscando sair da lanterna da Série B

Equipe baiana faz péssima campanha na Série B (Foto: Ascom/EC Vitória)

Na noite desta sexta-feira, o Vitória irá receber o Criciúma, no Estádio do Barradão, às 21h30 (de Brasília), pela 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, visando sair da lanterna da competição nacional. A equipe comandada por Osmar Loss faz campanha fraca e tenta respirar para evitar um rebaixamento à Série C.

Com apenas uma vitória, ainda na segunda rodada, o Leão da Barra somou apenas 4 pontos na Segundona e está a seis pontos do Vila Nova-GO, primeira equipe fora do Z4. Mesmo que consiga um triunfo nesta sexta, o clube não conseguirá sair da zona da degola, porém poderá deixar a última colocação e quebrar um jejum de sete jogos sem um placar positivo.

“É ruim, é difícil, doloroso, mas temos que continuar trabalhando para a gente conseguir sair dessa fase negativa”, avaliou o meia Felipe Gedoz. “Nosso elenco tem capacidade. Quando a fase é ruim, péssima desse jeito, temos que ter os pés no chão, ter inteligência, saber jogar”, completou o jogador.

Sob o comando de Osmar Loss, o Vitória ainda não conquistou nenhuma vitória. Foram quatro derrotas e um empate, incluindo dois resultados adversos dentro de casa.

Para esta partida, o treinador irá promover uma série de mudanças. Começando pela zaga, sem poder contar com o lesionado Zé Ivaldo, o zagueiro Ramon foi o escolhido para ser o parceiro de Everton Sena. Por opção do comandante, o meia Léo Gomes deve tomar a posição de Marciel, assim como Wesley, selecionado para o lugar do atacante Marcelo.

Criciúma quer manter boa fase na competição (Foto: Divulgação/Criciúma)

Porém, a tarefa dos baianos não será simples. A equipe irá enfrentar o Criciúma, que cresceu na Série B e tenta defender um retrospecto de três rodadas sem derrota, com duas vitórias e um empate. O Tigre atualmente ocupa a 12ª posição, com 12 pontos somados, dois a mais que o São Bento, primeiro clube dentro da zona de rebaixamento, e cinco a menos que o Sport, primeira equipe no G4 da competição.

“Todo jogo é difícil. A gente não tem que analisar a posição do Vitória, mas que é um time de tradição. É uma equipe técnica e que marca bem. Temos que ficar atentos. Não podemos perder nossa atitude, que é jogar com vontade de vencer. Esse DNA tem que prevalecer”, comentou o treinador Gilson Kleina.

Para este jogo, o Criciúma terá apenas um desfalque. Com Wesley suspenso após receber o terceiro cartão amarelo, o comandante escolheu Jean Mangabeira para iniciar o confronto.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X CRICIÚMA

Local: Estádio Manuel Barradas, em Salvador (BA)
Data: Sexta-feira, 19 de julho de 2019
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milcvski (PR)
Assistentes: Luiz H Souza Santos Renesto (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)

VITÓRIA: Martín Rodriguez, Matheus Rocha, Ramon, Everton Sena e Chiquinho; Baraka, Léo Gomes, Gedoz e Ruy; Wesley e Anselmo Ramon.
Técnico: Osma Loss

CRICIÚMA: Luiz; Marcos Vinícius, Platero, Derlan e Marlon; Jean Mangabeira, Liel, Eduardo e Reis; Vinícius e Léo Gamalho.
Técnico: Gilson Kleina

O post Vitória recebe Criciúma buscando sair da lanterna da Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva