Osmar Loss quer arrumar o sistema defensivo e resgatar o perfil do Vitória

Osmar Loss será o terceiro técnico do Vitória em 2019 (Foto: Reprodução/Twitter/EC Vitória)

Na manhã desta quarta-feira, o Vitória apresentou oficialmente o técnico Osmar Loss. Será o terceiro treinador do clube na atual temporada. Anteriormente, Marcelo Chamusca e Cláudio Tencatti estiveram à frente do time. A questão mais urgente a ser consertada pelo mais novo comandante será o ajuste na defesa. O Rubro-Negro tem a pior defesa da Série B do Campeonato Brasileiro, com dez gols tomados em quatro jogos.

“Nesse primeiro momento vamos procurar atacar a parte defensiva. A construção de uma equipe começa de trás para frente. Temos preocupação em melhorar o rendimento do nosso sistema defensivo do Vitória. Não é defesa, mas sistema defensivo. Vamos trabalhar para que essa defesa seja segura em todo o período em que a gente estiver”, analisou.

Outra questão que chamou a atenção do técnico é o fato do Vitória retomar o seu estilo. Loss chega para trazer de volta esse padrão. O treinador, inclusive, relembrou momentos do início de carreira, quando tinha o clube baiano como um exemplo.

“Falei com atletas hoje de manhã e me reporto à torcida do Vitória sobre a importância que o clube passa. Passei por alguns clubes que estão na primeira divisão, e o Vitória não deve nada a ninguém. No início da minha carreira, quando trabalhava no Internacional, olhava o Vitória como referência. A gente vai procurar resgatar um pouco disso” afirmou o comandante.

A estreia de Osmar Loss à frente do Rubro Negro será neste domingo contra o Atlético-GO, em Goiânia, às 16h00 (horário de Brasília), pela quinta rodada da Série B.

O post Osmar Loss quer arrumar o sistema defensivo e resgatar o perfil do Vitória apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Ex-Corinthians e Guarani, técnico Osmar Loss é anunciado pelo Vitória

Osmar Loss comandou o Guarani no início do ano (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Na tarde desta terça-feira, o Vitória anunciou, em seu site oficial, a contratação de Osmar Loss. O treinador, que estava sem clube desde que foi demitido do Guarani no início do ano, chega nesta quarta ao CT Manoel Pontes Tanajura, em Salvador, para iniciar os trabalhos no clube baiano. Além do técnico, o preparador físico Ednilson Sena acertou seu retorno e fará parte da equipe fixa do Leão.

“O presidente Paulo Carneiro agiu rápido e, conforme prometido, definiu nesta terça-feira a contratação do técnico Osmar Loss para o comando do time do Vitória”, disse o clube, em comunicado oficial.

Esta é a primeira vez que Osmar Loss comandará um clube do Nordeste. Sua carreira iniciou-se na base do Internacional, onde ficou de 1994 a 2009, e foi desenvolvida com o trabalho de formação. Seu primeiro desafio no profissional foi em 2011. Na época, substituiu como interino o técnico Paulo Roberto Falcão, no Internacional.

O Bragantino, no ano de 2015, foi o segundo time profissional comandado por ele. Na sequência, foi contratado para a base do Corinthians, onde foi campeão do Brasileiro sub-20, Paulista sub-20 e da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Pelos resultados expressivos, foi alçado ao cargo de auxiliar fixo do Timão.

Ao lado de Fábio Carille, fez parte da campanha do bicampeonato Paulista e do título Brasileiro. Em 2018, Loss foi efetivado quando Carille deixou o time paulista para trabalhar no futebol árabe, porém foi demitido após uma sequência ruim de resultados. Seu último trabalho foi no Guarani na disputa do Paulistão deste ano.

O post Ex-Corinthians e Guarani, técnico Osmar Loss é anunciado pelo Vitória apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

São Bento vira para cima do Vitória no Barradão e vence a 1ª na Série B

O São Bento conquistou sua primeira vitória na Série B do Campeonato Brasileiro na tarde deste sábado. Jogando fora de casa, no Barradão, a equipe de Doriva saiu atrás do Vitória, mas virou no segundo tempo e garantiu o triunfo por 3 a 1 na partida válida pela 4ª rodada. Fábio, Régis e Élton marcaram para o Azulão, já Felipe Garcia fez para o Rubro-Negro.

Após duas derrotas e um empate, o São Bento vence a primeira, vai aos quatro pontos, sai da zona de rebaixamento e sobe para a 13ª posição. O Vitória, por sua vez, estaciona nos três, soma a terceira derrota seguida e cai para a 15ª colocação.

O Vitória volta aos gramados apenas no próximo domingo, quando visita o Atlético-GO no Estádio Antônio Accioly, ás 16 horas (de Brasília). Um dia antes, às 16h30, o São Bento recebe o Oeste em Sorocaba, no Estádio Walter Ribeiro.

Doriva é o técnico do São Bento (Foto: Divulgação)

Vitória sofre diante do São Bento, mas sai na frente

Buscando uma pressão inicial nos primeiros minutos, o Vitória teve a chance de sair na frente logo no começo. Felipe Garcia aproveitou sobra de bola na área e bateu forte para Paulo Vitor defender. A sobra ficou com Neto Baiano, que arrematou para nova intervenção providencial do arqueiro.

Após o susto, o São Bento cresceu de produção, tomou o controle da partida e construiu boas tramas. Régis puxou contra-ataque e abriu jogada para Zé Roberto, que cruzou na área. Minho cabeceou bonito e obrigou o arqueiro a fazer bela defesa. Em novo contragolpe, Régis foi acionado e bateu forte para nova defesa do arqueiro rubro-negro.

Apesar de não fazer um bom primeiro tempo, o Vitória foi premiado com um pênalti já na reta final, quando o arqueiro Paulo Vitor derrubou Luan Potó. O goleiro do Azulão, entretanto, se redimiu e pegou a cobrança de Nickson. Menos de um minuto depois, o mesmo Nickson bateu escanteio na medida e Felipe Garcia testou para as redes.

São Bento cresce, vira e vence a primeira

O cenário após o intervalo não poderia ser melhor para o São Bento. Em grande jogada de Régis, que passou por três marcadores, Élton apareceu sozinho na área após cruzamento do meia/lateral e cabeceou no contrapé do goleiro para empatar o duelo logo aos sete.

Depois de 60 minutos de uma partida bastante intensa, as equipes sentiram o forte calor na Bahia e perderam em ritmo. Buscando dar um gás novo, os dois técnicos mexeram. Tencati tirou os atacantes Neto Baiano e Nickson para as entradas de Anselmo Ramon e Matheus Manga no Vitória. O treinador Doriva respondeu com Doriva na vaga de Minho.

As mudanças surtiram efeito para o Azulão. Fábio Bahia puxou contra-ataque pelo meio e acionou Régis, que invadiu a área e bateu cruzado para defesa de Lucas. Fábio Bahia seguiu a jogada e ficou com o rebote do arqueiro para marcar de cabeça e virar a partida.

Faltando menos de 10 minutos para o fim, o Vitória se lançou todo ao ataque. O São Bento, por sua vez, se aproveitou disso para confirmar a vitória por 3 a 1, a primeira na competição. Régis recebeu lançamento sozinho, limpou o goleiro, deu um corte para deixar Ramon sentado e bateu para balanças as redes no apagar das luzes.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 1X3 SÃO BENTO

Local: Barradão, Salvador (BA)
Data: Sábado, 18 de maio
Horário: 16h30 (horário de Brasília)
Árbitro: José Mendonça da Silva Junior (PR)
Assistentes: Luciano Roggenbaum (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)
Cartões amarelos: Paulo Vitor, Fernandes e Zé Roberto (São Bento). Marciel e Ruan Potó (Vitória).

GOLS:
VITÓRIA: Felipe Garcia aos 36 minutos do 1ºT.
SÃO BENTO: Élton aos sete minutos do 2ºT, Fábio Bahia aos 35 minutos do 2ºT e Régis aos 49 minutos do 2ºT.

SÃO BENTO: Paulo Vitor; Bruno Moura, Wesley, Élton e Mansur; Fábio Bahia; Paulinho (Fernandes), Pablo (Cafu), Régis e Minho (Doriva); Zé Roberto
Técnico: Doriva

VITÓRIA: Lucas; Farinha (Welisson), Everton Sena, Ramon e Capa; Léo Gomes, Marciel e Nickson (Matheus Manga); Ruan Potó, Felipe Garcia e Neto Baiano (Anselmo Ramon)
Técnico: Cláudio Tencati

O post São Bento vira para cima do Vitória no Barradão e vence a 1ª na Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Vitória recebe São Bento pela Série B precisando de triunfo

Após duas derrotas e um triunfo na largada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Vitória recebe o São Bento, neste sábado, às 16h30 (horário de Brasília), no Barradão, precisando dos três pontos.

Sem pontuar fora da Bahia, a equipe rubro-negra, que se encontra na 13ª posição da tabela, aposta na força de seu estádio para buscar um bom resultado. O São Bento, apenas 19º colocado na zona de rebaixamento, ainda não venceu na competição, mas buscou seu único ponto na Série B em seu único compromisso fora, em embate com o Figueirense.

Rubro-Negro precisa pontuar em casa (Foto: Divulgação/EC Vitória)

Com início decepcionante de temporada, o Vitória aproveitou a semana quase cheia de treinamentos, após derrota para o Guarani na última segunda-feira, para apresentar mais três reforços para a disputa do torneio nacional; o zagueiro Dedé, do Independente do Tucuruí (PA), o volante Marciel, emprestado pelo Corinthians, e o atacante Matheus Manga, que estava no Sparta, da Grécia.

Além das chegadas, o zagueiro Victor Ramos saiu do clube rumo ao CRB e o goleiro Caíque, que falhou no revés para o time paulista, afastado. Andrigo, por questões emocionais, não foi relacionado para o embate. Com as novidades, o Cláudio Tencati admitiu dúvida para escalar a equipe.

“O Vitória é uma equipe em formação. Não tem como não ter as mudanças. Sou um treinador que não gosto de rotatividade, mas em alguns setores não tem como não mudar em função do momento e da necessidade de melhorar o momento da equipe”, explicou o comandante.

O São Bento começou a temporada muito mal, sendo rebaixado no Campeonato Paulista. No Brasileirão, aposta no trabalho de Doriva para compensar o vexame no Estadual (Foto: Divulgação)

No lado do São Bento, a equipe de Sorocaba busca sair da zona de rebaixamento neste início de campeonato. “Precisamos de um triunfo nessa partida para nos dar mais confiança. Sinto que o nosso time tem jogado bem. Acredito que seja apenas questão de tempo para conquistarmos as vitórias”, declarou o lateral Mansur, cria da base do Vitória.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X SÃO BENTO

Local: Barradão, Salvador (BA)
Data: Sábado, 18 de maio
Horário: 16h30 (horário de Brasília)
Árbitro: José Mendonça da Silva Junior (PR)
Assistentes: Luciano Roggenbaum (PR) e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)

SÃO BENTO: Renan; Bruno Moura, Wesley, Élton e Mansur; Cafu; Régis, Pablo, Paulinho e Minho; Alecsandro
Técnico: Doriva

VITÓRIA: Ronaldo; Matheus Rocha, Everton Sena, Dedé e Capa; Léo Gomes, Gabriel Bispo e Nickson; Ruan Levine, Felipe Garcia e Neto Baiano.
Técnico: Cláudio Tencati

O post Vitória recebe São Bento pela Série B precisando de triunfo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Depois de perder Mattis, CRB anuncia contratação de Victor Ramos

Victor Ramos chega para substituir Guilherme Mattis no CRB (Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória)

Horas depois de comunicar a saída do zagueiro Guilherme Mattis, que fechou com o São Bento, a diretoria do CRB já anunciou uma peça de reposição para o setor. Trata-se de Victor Ramos, que estava no Vitória. O defensor chega para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro.

Em sua quarta passagem pelo clube baiano, Victor Ramos disputou sete partidas desde que foi contratado, em março deste ano. Contudo, o jogador de 30 anos pediu para deixar a equipe depois de apenas dois meses. O zagueiro ainda acumula passagens por Guarani, Goiás, Chapecoense, Palmeiras, Vasco, Monterrey (México) e Standard Liège (Bélgica).

A diretoria do clube alagoano trabalhou rápido para repor a saída de Mattis, que foi desligado da equipe alegando “problemas familiares” e fechou com o São Bento nesta quinta-feira. Agora o CRB tem cinco zagueiros à disposição: Nogueira, Wellington Carvalho, Edson Henrique e Éwerton Páscoa, além, é claro, da nova contratação.

Além de Victor Ramos, o Galo ainda anunciou o atacante Léo Ceará, outro ex-Vitória. O jogador de 24 anos foi indicação de Marcelo Chamusca, com quem trabalhou no rubro-negro baiano.

O post Depois de perder Mattis, CRB anuncia contratação de Victor Ramos apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Felippe Cardoso faz reforço físico na praia para tentar mudar opinião de Sampaoli no Santos

Felippe Cardoso tenta mudar a opinião de Sampaoli (Ivan Storti)

Fora dos planos de Jorge Sampaoli e liberado para negociar um empréstimo, Felippe Cardoso tenta mudar a opinião do técnico do Santos.

O centroavante tem feito reforço físico nas areias de Praia Grande, onde mora, para tenta melhorar o desempenho nos treinamentos e chamar a atenção do argentino.

O atleta de 20 anos trabalha com um personal na praia e também na academia do condomínio onde vive. Ele está convicto e não quer ser negociado.

Felippe recebeu propostas de empréstimo da Ponte Preta e Vitória, mas, diferentemente de Arthur Gomes e Yuri, transferidos para Chapecoense e Fluminense, respectivamente, optou por ficar.

Ele não tem sido opção nem no banco de reservas, mas acredita numa chance em breve. Seu exemplo é o de Eduardo Sasha, antes preterido e hoje um dos titulares.

Felippe Cardoso atuou pela última vez no dia 20 de março, em derrota por 4 a 0 para o Botafogo-SP. No total, são sete jogos na temporada, sem gol marcado. O jogador tem contrato até 30 de setembro de 2023. Por indicação do ex-técnico Cuca, ele foi contratado por R$ 3 milhões no ano passado, depois de ser destaque na Ponte Preta.

O post Felippe Cardoso faz reforço físico na praia para tentar mudar opinião de Sampaoli no Santos apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Em jogo cheio de falhas, Guarani vence o Vitória e acaba com jejum

Jogadores do Guarani comemorando terceiro gol contra o Vitória (Foto: Letícia Martins/Guarani Futebol Clube)

Na partida que fechou a terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Guarani venceu o Vitória nesta segunda-feira, pelo placar de 3 a 2, no Brinco de Ouro, e deu fim a um jejum de oito partidas sem vencer. O jogo foi marcado por muitas falhas de ambos os times e decidido por dois gols seguidos do clube de Campinas no começo do segundo tempo. Diego Cardoso, Mateusinho e Arthur Rezende marcaram para os mandantes, enquanto Neto Baiano e Everton Sena fizeram para o rubro-negro.

Com o resultado, o Guarani conquista sua primeira vitória no campeonato e salta para a décima posição, com quatro pontos. O Vitória, por sua vez, desce para o 12º lugar, com apenas três pontos. Os baianos ainda não conseguiram somar pontos fora de Salvador e perderam sua segunda partida como visitantes justamente no dia em que o clube completa 120 anos.

Pela quarta rodada da segunda divisão, o Bugre visita o Paraná, no Durival de Britto, em partida marcada para o próximo sábado (18), às 16h30 (de Brasília). Já o Vitória recebe o São Bento no Barradão, no mesmo dia e horário.

O jogo

A partida começou com grande chance do Guarani, logo no primeiro minuto. Arthur Rezende cobrou falta na entrada da área e Ferreira cabeceou, exigindo grande defesa de Caíque. Aos 12 minutos, mais uma boa chegada do Bugre, dessa vez com Xandão. O zagueiro aproveitou cobrança de escanteio de Mateusinho e mandou para fora de cabeça.

Porém, um minuto depois, uma falha de Inácio criou perigo para a defesa do Guarani. O lateral perdeu a bola para Felipe Garcia no lado esquerdo, o atacante cruzou rasteiro para Neto Baiano, que tentou, mas não alcançou.

Aos 29 minutos, mais um erro da defesa do clube campineiro, mas, dessa vez, o Vitória não desperdiçou. Giovanni cobrou tiro de meta curto para Xandão, porém o zagueiro dominou errado e perdeu a bola para Felipe Garcia. Neto Baiano aproveitou a sobra e mandou para o gol, abrindo o placar no Brinco de Ouro.

Cinco minutos depois, foi a vez de um jogador rubro-negro falhar. Lenon cruzou na área e a bola desviou em Everton Sena, ficando fácil para o goleiro Caíque. O arqueiro, no entanto, deixou escapar, sobrando limpa para Diego Cardoso empatar para os donos da casa.

A resposta do Vitória veio com Everton Sena, que cabeceou após cobrança de falta de Andrigo, mas jogou para fora do gol. O empate permaneceu até o final da primeira etapa.

Na volta do intervalo, o Guarani quase virou a partida em um chute de longe de Ricardinho, mas Caíque, de mão trocada, fez uma bela defesa e evitou o segundo gol dos mandantes. O Vitória também tentou com Matheus Rocha, que recebeu de Andrigo e chutou bonito, mas parou em Giovanni.

Contudo, quem tirou a igualdade do placar foi o Bugre, com dois gols em um intervalo de três minutos. Aos sete, Inácio fez ótima jogada pela esquerda e cruzou para a área. A bola resvalou em Capa e sobrou para Mateusinho mandar para o fundo das redes e colocar o Guarani na frente. Aos nove minutos, Ricardinho rolou para Arthur Rezende, que chutou de primeira e contou com o desvio da defesa do clube baiano para ampliar o placar.

No último minuto do tempo normal, o Vitória ainda conseguiu diminuir com Everton Sena, de cabeça, mas os esforços não foram suficientes para chegar ao empate.

FICHA TÉCNICA
GUARANI X VITÓRIA

Local: Brinco de Ouro, Campinas (SP)
Data: Segunda-feira, 13 de maio
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Marcus Vinicius Gomes (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG)
Cartões amarelos: Ferreira, Arthur Rezende, Deivid Souza (Guarani); Ruan Levine, Nickson (Vitória)
Gols: Diego Cardoso, aos 34 minutos do primeiro tempo; Mateusinho, aos 7 minutos do segundo tempo; Arthur Rezende, aos 9 minutos do segundo tempo (Guarani); Neto Baiano, aos 29 minutos do primeiro tempo; Everton Sena, aos 44 minutos do segundo tempo (Vitória)

GUARANI: Giovanni; Lenon, Ferreira, Xandão e Inácio; Deivid, Ricardinho e Arthur Rezende; Eder Luis (Felipe Amorim), Diego Cardoso (Renan) e Mateusinho (Deivid Souza).
Técnico: Evandro Guimarães

VITÓRIA: Caíque; Matheus Rocha, Everton Sena, Victor Ramos e Capa; Léo Gomes (Rodrigo Andrade), Gabriel Bispo e Andrigo (Nickson); Ruan Levine, Felipe Garcia (ítalo) e Neto Baiano.
Técnico: Cláudio Tencati

O post Em jogo cheio de falhas, Guarani vence o Vitória e acaba com jejum apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Tentando acabar com jejum, Guarani recebe o Vitória pela Série B

Sem vencer uma partida há 79 dias, o Guarani enfrenta o Vitória nesta segunda-feira, às 20h, pela 3ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida será disputada no Brinco de Ouro, em Campinas, local onde o Bugre venceu seu último jogo, em 23 de fevereiro, contra o São Caetano.

No momento, ambos os times estão na parte de baixo da tabela e tentam vencer para engrenar no campeonato. O Vitória está na 11ª posição, com três pontos conquistados nas duas primeiras partidas, enquanto o Guarani ocupa a 17ª colocação, com apenas um ponto. O confronto fecha a terceira rodada da Série B.

Guarani tenta acabar com o jejum de vitórias (Foto: Letícia Martins/Guarani Futebol Clube)

Ciente do peso do jejum de vitórias para o restante do ano, Vinícius Eutrópio já sabe como o time terá que jogar para segurar o Vitória e, principalmente, conquistar os três pontos dentro de casa.

“É um time muito rápido, não é de tanta posse de bola, prioriza jogadas laterais para o Neto Baiano. É um time objetivo e rápido. Temos que ter cuidado principalmente em duas coisas: transição e bola aérea”, afirmou o treinador do Guarani.

O treinador do Bugre cumprirá suspensão automática e não poderá comandar a equipe do banco de reservas, por conta de cartão vermelho no jogo contra o Oeste. Em seu lugar, o auxiliar Evandro Guimarães ocupará o posto durante o duelo contra o Vitória.

Além disso, devem haver mudanças na escalação. Mateusinho, Eder Luis e Deivid disputam duas vagas no ataque. Na defesa, Eutrópio confirmou a entrada de Lenon na lateral direita, no lugar de Bruno Lima, que é zagueiro, mas vinha sendo improvisado no setor.

Vitória busca vencer o Guarani fora de casa (Foto: Reprodução/Twitter)

Já pelos lados do Rubro-Negro Baiano, a equipe sabe que precisa vencer para se firmar neste começo de campeonato e pode utilizar a fase do adversário como trunfo para sair com a vitória. No entanto, o lateral-esquerdo Capa demonstrou ter ciência da dificuldade da partida.

“Quando o time vem em má fase jogando em casa, traz responsabilidade maior para eles e também para nós porque eles vêm com sangue no olho e algo a mais para reverter a situação que estão vivendo. Sabemos disso, que jogar lá no Brinco de Ouro é muito difícil. A gente vem trabalhando na semana forte para neutralizar a jogada deles, empenhar um bom futebol e fazer um resultado positivo lá”, declarou o jogador.

Em relação ao elenco, o técnico Cláudio Tencati terá quatro reforços à disposição para o confronto. Tratam-se dos atacantes ítalo e Matheus Augusto, do volante Romisson e do zagueiro Dedé, que tiveram seus nomes publicados no Boletim Diário da CBF. Por outro lado, Ruy, Caíque Souza e Van estão em recuperação e ficarão de fora.

FICHA TÉCNICA
GUARANI X VITÓRIA

Local: Brinco de Ouro, Campinas (SP)
Data: Segunda-feira, 13 de maio
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Marcus Vinicius Gomes (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG)

GUARANI: Giovanni; Lenon, Ferreira, Xandão e Inácio; Deivid e Ricardinho; Deivid Souza (Mateusinho), Arthur Rezende e Eder Luis; Diego Cardoso.
Técnico: Vinícius Eutrópio

VITÓRIA: Caíque; Matheus Rocha, Everton Sena, Victor Ramos e Capa; Léo Gomes, Rodrigo Andrade e Andrigo; Ruan Levine, Felipe Garcia (David) e Neto Baiano.
Técnico: Cláudio Tencati

O post Tentando acabar com jejum, Guarani recebe o Vitória pela Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Artilheiro Ruan Levine é ausência no treino do Vitória desta quarta

Nesta quarta-feira, o Vitória iniciou a preparação para enfrentar o Guarani pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro Série B na próxima segunda-feira, às 20 horas (de Brasília). No treino da manhã, o técnico Claudio Tencati teve um desfalque importante na parte final.

O atacante Ruan Levine, autor dos dois gols da vitória por 2 a 1 diante do Vila Nova na última rodada, foi poupado da segunda parte do treino. O jogador de 20 anos, artilheiro da equipe na Série B, alegou cansaço muscular após a primeira parte do treino, realizada em campo reduzido, e deixou a atividade mais cedo.

O Vitória trabalhou a defesa no treino desta quarta (Foto: Maurícia da Matta/ECV)

Na segunda parte do treino desta quarta-feira, Claudio Tencati comandou trabalho tático com ênfase no posicionamento defensivo de acordo com as características do Guarani. A defesa é o ponto fraco do Vitória, que sofreu quatro gols nas duas primeiras rodadas.

Três jogadores do elenco seguem em recuperação de lesão e não treinaram com o restante do grupo. O atacante Caíque Souza segue tratando lesão na coxa direita. Enquanto isso, o meia Ruy e o lateral direito Van seguiram treinando na academia.

Depois de duas rodadas, o Vitória é o décimo colocado da Série B com três pontos conquistados. O Rubro-Negro baiano estreou com derrota por 3 a 1 para o Botafogo-SP em Ribeirão Preto e venceu o Vila Nova por 2 a 1 no Barradão na segunda partida.

O post Artilheiro Ruan Levine é ausência no treino do Vitória desta quarta apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva