Ponte Preta garante que Jorginho permanecerá pelo menos até sábado

Mesmo com a fase instável na Ponte Preta, Jorginho permanecerá como treinador do clube campineiro. O técnico se reuniu na manhã desta quarta-feira com o presidente José Armando Abdalla e o restante da diretoria de futebol e foi decidido pela continuidade do trabalho. Por meio de um comunicado oficial, a Macaca confirmou a permanência do ex-lateral pelo menos até o próximo sábado, quando o time enfrenta o São Bento.

“Durante esta manhã, conforme também antecipado pelo Executivo de Futebol Gustavo Bueno, houve conversa entre o presidente Abdalla, a diretoria e o treinador, e Jorginho permanece no comando alvinegro em busca de uma vitória contra o São Bento”, esclareceu a nota oficial.

Jorginho atravessa momento conturbado na Ponte Preta (Foto: Miguel Schincariol/AFP)

De acordo com o comunicado, Jorginho concederá uma entrevista coletiva nesta quinta-feira, visando esclarecer a situação. O técnico não falou com a imprensa após a derrota para o América-MG, pois sua esposa, que estava presente no estádio, passou mal no decorrer da partida.

Depois de um início promissor na Série B, a Ponte Preta vive uma fase complicada na competição. Já são três derrotas consecutivas e quatro jogos sem vencer, o que causou uma grande queda na tabela. O time era vice-líder há uma semana e, hoje, está na nona colocação, com 19 pontos, três a menos do quarto colocado.

Depois de enfrentar o São Bento, às 16h30 deste sábado, o próximo compromisso da Ponte Preta será o dérbi campineiro, contra o rival Guarani. O jogo acontecerá no domingo, dia 11 de agosto, justamente no dia em que a Macaca comemora o aniversário de 119 anos.

 

 

O post Ponte Preta garante que Jorginho permanecerá pelo menos até sábado apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

América surpreende a Ponte em Campinas e vence com gol no finalzinho

O América venceu a Ponte Preta na noite desta terça-feira (Foto: América)

O América entrou em campo, na noite desta terça-feira, para duelar com a Ponte Preta, pela segunda divisão do Campeonato Brasileiro, na condição de lanterna da Série B. A recuperação, no entanto, iniciou diante da Macaca, na vitória por 1 a 0, com gol aos 43 do segundo tempo feito por Felipe Azevedo, e o Coelho aproveitando dois expulsos da equipe da casa.

Apesar da derrota, o time mineiro segue na última colocação do torneio. Todos os adversários diretos também pontuaram. No entanto, a situação já é melhor: empatado com Guarani que é o 19º, a um ponto do Vitória que é o 18º e a dois do São Bento que é o primeiro na porta do zona de rebaixamento. O Criciúma, primeiro fora do z4, tem 13 tentos. A Macaca poderia melhorar sua situação na tabela, mas ficou na nona posição, com 19 tentos.

Na próxima rodada, o América enfrenta o Paraná, no sábado, às 17h (de Brasília), no Durival de Brito. A Ponte enfrenta o São Bento, no mesmo dia, às 16h30.

Primeiro tempo

Enfrentando um adversário que luta contra a queda para a Série C, a Ponte Preta, que sonha com a parte superior do Campeonato Brasileiro e o que há de mais elitizado no futebol, partiu para o ataque para abrir logo o marcador. Até os 10 minutos, a Macaca já tinha três chances claras de marcar.

Aos 4, uma das melhores, Camilo deu belo passe para Matheus Vargas que, de frente para o gol, mandou por cima. Quatro minutos depois, em cruzamento na área, Jori falhou, mas ninguém da Ponte apareceu para completar.

O América só conseguiu responder aos 16. Em jogada de Matheusinho, a bola chegou até Willian Maranhão e ele chutou forte, mas a bola tirou tinta da trave. A Ponte, no entanto, voltou a atacar.

Minutos após levar um susto do Coelho, Matheus Vargas chutou forte e Jori, com dificuldades, defendeu. No rebote, Camilo bate e o goleiro do Coelho faz outra defesa.

O América apostava muito nas chegadas pelos lados, já a Ponte conseguia controlar a partida inteira e, por isso, conseguia ser mais criativa para buscar o placar.

Aos 27, Diego Renan fez o cruzamento e Roger subiu sozinho para desviar. O atacante superou Jori, mas a bola tirou tinta da trave e foi pra fora. Dois minutos depois, Diego Renan, em cobrança de falta, arrancou o grito do torcedor das arquibancadas, mas a bola foi para fora.

A Macaca lutou, batalhou, mas errou bastante no último terço do campo, falhando no passe final ou na finalização, algo que explicou o empate até este momento.

Segundo tempo

Na volta para o intervalo, a Ponte novamente controlava as principais ações do jogo e o América lutava para se defender da melhor maneira possível.

Aos 11, o América levou muito perigo contra a meta da Macaca. Em vacilo da zaga que não se preocupou, Zé Ricardo foi avançando com a bola e chutou forte. O arqueiro conseguiu fazer a defesa, mas teve dificuldade.

Aos 24, porém, Gerson Magrão levou o segundo cartão amarelo e o vermelho por consequência. Essa situação facilitou as ações de jogo para o América que poderia ter a tranquilidade de um jogador a mais para trabalhar na partida. Dez minutos depois, Matheus Vargas que fazia uma boa partida deu um carrinho maldoso e foi expulso direto.

O América passou a atacar, agrediu, partiu para cima do adversário. Aos 43 chegou ao gol. Em cruzamento na área, a bola sobrou para Toscano que ajeitou para Felipe Azevedo e o atacante marcou o tento vitorioso.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 0 X 1 AMÉRICA

Local: Moises Lucarelli, Campinas (SP)
Data: 30 de julho de 2019 (terça-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gomes do Amaral (RS)
Assistentes: Michael Stanislau (RS) e André da Silva Bitecourt (RS)

Gol: Felipe Azevedo, aos 43 do segundo tempo (América)
Cartões: Edson, Gerson Magrão (2), Tiago Marques (Ponte Preta); Ricardo Silva (América)
Cartões vermelhos: Gerson Magrão, Matheus Vargas (Ponte Preta)

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Airton, Guilherme Guedes, Edson, Camilo (Tiago Real), Gerson Magrão, Matheus Vargas, Roger (Alex Maranhão), Marcondele (Tiago Marques)
Técnico: Jorginho

AMÉRICA – Jori, Diego Ferreira, Paulão, Ricardo Silva, João Paulo, Zé Ricardo, Juninho, Willian Maranhão (Marcelo Toscano), Matheusinho (Bilu), Felipe Azevedo, Jonathas Belusso (Júnior Viçosa).
Técnico: Felipe Conceição.

O post América surpreende a Ponte em Campinas e vence com gol no finalzinho apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Em busca de reação na Série B, América enfrenta a Ponte Preta

América precisa vencer para iniciar a recuperação na Série B (Foto: América)

O América luta para recuperar na Série B. Para conseguir isso e escapar das últimas colocações da segunda divisão, o Coelho viaja até Campinas para enfrentar a Ponte Preta, nesta terça-feira, às 20h30 (de Brasília).

O Coelho é o último colocado do Campeonato Brasileiro, com sete pontos na tabela. Nem mesmo se vencer o América escapa do Z4. O máximo que consegue é melhorar a situação dentro da classificação, mas fica mais perto de escapar dos últimos colocados.

Com o pouco tempo, o técnico Felipe Conceição concentrou em fazer trabalhos de recuperação física dos atletas e também algumas atividades táticas. O restante foi na base da conversa e motivação para que o elenco consiga escapar da incomoda situação que entrou.

O lateral-esquerdo João Paulo sabe que o América tem condições de vencer a Macaca em território inimigo.

“Expectativa de fazer um grande jogo. Realmente, vai ser um jogo bastante complicado, mas sabemos da qualidade da nossa equipe também, da preparação que foi feita, para que a gente consiga surpreender a equipe deles e possamos sair com um resultado positivo”, destacou.

A Ponte Preta vive outra realidade em relação ao Coelho. A equipe de Campinas está na oitava colocação, com 19 pontos e, dependendo dos resultados, pode entrar no G4 do Campeonato.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA X AMÉRICA

Local: Moises Lucarelli, Campinas (SP)
Data: 30 de julho de 2019 (terça-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gomes do Amaral (RS)
Assistentes: Michael Stanislau (RS) e André da Silva Bitecourt (RS)

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Reginaldo e Henrique Trevisan; Edson, Camilo, Tiago Real, Matheus Vargas e Marquinhos; Roger
Técnico: Jorginho

AMÉRICA – Jori, Leandro Silva, Paulão, Ricardo Silva, João Paulo, Zé Ricardo, Juninho, Willian Maranhão, Matheusinho, Felipe Azevedo, Jonathas Belusso.
Técnico: Felipe Conceição.

O post Em busca de reação na Série B, América enfrenta a Ponte Preta apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Jorginho culpa árbitro na derrota da Ponte Preta contra Bragantino

Técnico Jorginho reclamou da arbitragem da derrota contra o Bragantino – Foto: Divulgação

O técnico da Ponte Preta, Jorginho, não poupou críticas à arbitragem após a derrota por 2 a 1 de seu time para o Bragantino na última terça-feira, em Bragança Paulista, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Segundo o treinador, houve um gol mal anulado de Roger e um pênalti não marcado a favor da Macaca também no camisa 9.

“Fizemos um primeiro tempo excelente, no qual podíamos ter matado o jogo, e em minha opinião o gol anulado do Roger era legal, o Aderlan dava condição, mas sem VAR temos que nos sujeitar a isso. No segundo tempo também tivemos chance de matar o jogo, mas no momento em que tínhamos que ter tranquilidade não tivemos, e tomamos o gol de empate em falta inexistente. Por fim, ainda não tivemos um pênalti claro no Roger não marcado. Se tivesse VAR, tínhamos vencido por 3 a 2”.

Apesar das reclamações, Jorginho assumiu também a culpa do revés. “Independentemente de qualquer coisa, o resultado é minha responsabilidade como treinador. Perdemos três pontos importantíssimos, agora temos que correr atrás”.

A derrota marcou a saída do time campinense do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro, ficando agora na 5ª colocação, com 19 pontos, um a menos que o Londrina, em 4º lugar. Além disso, uma vitória sobre o Bragantino colocaria o time de Jorginho na liderança da competição.

Mesmo com o mau resultado, o experiente comandante de 54 anos se mostra confiante para a sequência do clube. “Não é momento de desespero e sim de mantermos nossa cabeça no lugar. Agradecemos imensamente ao torcedor, que esteve no estádio adversário, torceu e nos apoiou o tempo inteiro. Esperamos voltar a dar alegria ao torcedor rapidamente e que ele esteja de volta ao Majestoso nos apoiando no próximo dia 30 de julho contra o América Mineiro”.

De olho no grupo dos quatro primeiros, Ponte Preta volta a campo no próximo sábado, diante do Vitória, em Salvador, às 16h30, pela 12ª rodada da Série B.

O post Jorginho culpa árbitro na derrota da Ponte Preta contra Bragantino apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

De virada, Bragantino bate a Ponte e mantém a liderança da Série B

Em jogo movimentado valendo a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, o Bragantino venceu a Ponte Preta de virada, no Nabi Abi Chedid. Com gols de Ytalo e Morato, o Massa Bruta virou na segunda etapa. Edson marcou o gol da Macaca no primeiro tempo.

Com o resultado, o Bragantino chega aos 23 pontos e se mantém em primeiro lugar na classificação. Já a ponte se estacionou nos 19 pontos, e agora e caiu para a quarta colocação. Isso porque o Paraná venceu, mais cedo, o Figueirense, e chegou aos 22, assumindo a vice-liderança, e o Botafogo-SP bateu o Atlético-GO, chegando aos 20.

O Bragantino volta a campo apenas no sábado, quando encara o Vila Nova, em Goiânia, às 19h. Também no sábado, mas às 16h30, a Ponte Preta tem mais um confronto fora de casa, desta vez contra o Vitória no Barradão.

Ytalo marcou um dos gols do Bragantino na virada sobre a Ponte Preta (Foto: Reprodução/Twitter)

O jogo – A etapa inicial foi toda da Macaca em Bragança Paulista. A equipe de Jorginho começou a partida assustando logo nos primeiros minutos, com boas chegadas do experiente centroavante Roger. Aos 18, o camisa 9 da Ponte até balançou as redes, mas a arbitragem marcou impedimento na jogada.

O Bragantino tentava responder, mas não tinha eficiência no ataque. Dessa forma, quem abriu o placar foi o time visitante. Aos 40, o volante Edson subiu de cabeça para desviar e colocar a Ponte Preta na frente.

Na volta para a etapa final, o Bragantino mudou a postura e foi buscar a virada. Mesmo com um jogador a menos, depois que Wesley agrediu Diego Renan e foi expulso, o Massa Bruta chegou ao gol de empate aos 11 minutos. Edimar cobrou falta rasteira, o goleiro Ivan fez bela defesa, mas na sobra Aderlan achou Ytalo dentro da pequena área, que só empurrou para as redes.

O jogo ficou lá e cá a partir de então, com o time da casa tendo as melhores chances. Morato tentou uma primeira vez aos 32, mas finalizou mal de cabeça e perdeu a chance. Na segunda oportunidade, entretanto, o atacante aproveitou o cruzamento de Edimar e mandou para o fundo do gol, virando a partida e dando a vitória para o Braga.

Ao final da partida, revoltados com as marcações da arbitragem nos últimos minutos, a torcida da Ponte Preta se exaltou nas reclamações. Cobrando um possível pênalti em cima de Roger no último lance do jogo, os torcedores pontepretanos protagonizaram um princípio de confusão, entrando em confronto com a Polícia Militar. Rapidamente, porém, a briga terminou e os ânimos se normalizaram.

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO 2 X 1 PONTE PRETA

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (PE)
Data: 23 de julho de 2019, terça-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milczvski (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Joao Fabio Machado Brischiliari (PR)
Cartões Amarelos: Uillian Correia, Claudinho e Morato (Bragantino); Henrique Trevisan, Bill e Roger (Ponte Preta)
Cartões Vermelhos: Wesley (Bragantino)
Gols: Diego Renan, aos 40 do 1ºT (Ponte Preta); Ytalo, aos 11 do 2ºT e Morato, aos 32 do 2ºT (Bragantino)

BRAGANTINO: Julio César; Aderlan, Rayne, Rayan e Edimar; Uillian Correia, Ryller (Pio) e Ytalo; Wesley, Claudinho e Thiago Ribeiro (Morato)
Técnico: Antonio Carlos Zago

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Reginaldo (João Carlos) e Henrique Trevisan; Edson, Camilo, Tiago Real (Bill), Matheus Vargas e Marquinhos (Dadá); Roger
Técnico: Jorginho

O post De virada, Bragantino bate a Ponte e mantém a liderança da Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Bragantino e Ponte Preta duelam valendo a liderança da Série B

Nesta terça-feira, às 20h30, o Estádio Nabi Abi Chedid recebe Bragantino e Ponte Preta para um jogo duro valendo a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. O confronto coloca frente a frente a melhor defesa (do Massa Bruta) e o melhor ataque (da Macaca) do campeonato.

Líder da competição com 20 pontos, o Bragantino ainda não venceu desde a volta da parada no calendário. Os comandados de Antonio Carlos Zago apostam na volta à casa para se reabilitar na competição e reencontrar os resultados positivos.

Na última rodada, quando empatou com o Oeste fora de casa, o Bragantino poupou titulares já visando o duelo desta terça-feira. Curiosamente, dois deles foram para a partida, mas levaram o terceiro cartão amarelo e estão suspensos para o jogo contra a Ponte. São eles o zagueiro Ligger e o volante Barreto. Com isso, Rayan deve ser o substituto na zaga, enquanto Pedro Naressi ou Ryller, que fez sua estreia no último jogo, podem completar o meio-campo.

Antonio Carlos Zago terá desfalques no setor defensivo contra a Ponte (Foto: Reprodução)

Pelo lado da Macaca, que aparece na vice-liderança com 19 pontos, a meta é voltar a beliscar pontos importantes fora de casa. No pós-Copa América, foram duas partidas dentro de casa: vitória contra o Oeste e empate contra o Atlético-GO. Para ultrapassar o adversário desta terça e dormir na primeira colocação, a Ponte precisa buscar o resultado como visitante.

O momento é favorável, já que a equipe não conhece uma derrota há nove jogos. A última vez em que sofreu um revés foi contra o Coritiba, no Couto Pereira, ainda na primeira rodada da Série B. Desde então foram cinco vitórias e quatro empates.

Jorginho elogiou presença da torcida em treino aberto (Foto: Luiz Guilherme Martins/AAPP)

No último domingo, já visando o duelo contra o Bragantino, a equipe realizou um treino aberto com a presença da torcida. O técnico Jorginho ressaltou a importância dos torcedores nos jogos da Macaca, e mostrou que espera o apoio inclusive em Bragança.

“O torcedor da Ponte sempre fez a diferença e ficamos extremamente felizes com a presença da torcida ontem aqui no estádio, acompanhando nosso treino. Me lembro deste estádio cheio em 2013, na campanha da Sulamericana, foi um caldeirão, e essa força do torcedor é fundamental seja em casa ou fora dela. Estou certo, inclusive, que teremos uma presença marcante dos pontepretanos no jogo de terça”

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO X PONTE PRETA

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (PE)
Data: 23 de julho de 2019, terça-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milczvski (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Joao Fabio Machado Brischiliari (PR)

BRAGANTINO: Julio César; Aderlan, Léo Ortiz, Rayan e Edimar; Uillian Correia, Pedro Naressi (Ryller) e Ytalo; Wesley, Claudinho e Thiago Ribeiro
Técnico: Antonio Carlos Zago

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Airton e Henrique Trevisan; Edson, Camilo, Marquinhos, Matheus Vargas e Gerson Magrão; Roger
Técnico: Jorginho

O post Bragantino e Ponte Preta duelam valendo a liderança da Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Guilherme Guedes é o novo reforço da Ponte Preta

Guilherme Guedes em treino pelo Grêmio (Foto: Rodrigo Fatturi/Gremio)

A Macaca anunciou nesta sexta-feira a contratação de Guilherme Guedes, lateral-esquerdo com passagem pelas bases do Grêmio e Seleção Brasileira. O jogador de apenas 20 anos será submetido a exames neste domingo e deve assinar o contrato de empréstimo assim que for aprovado pelos médicos.

 

Guilherme atuou pelo elenco gremista em quatro ocasiões apenas. Muito elogiado no empate contra a Chapecoense na campanha do Brasileirão do ano passado, o lateral teve seu contrato renovado até 2023 com uma multa rescisória de 80 milhões de euros (cerca de R$ 336,8 milhões).

O defensor é o quarto reforço anunciado pela diretoria nesta semana. Bill, Tiago Marques e Renan Mota também farão parte do elenco de Jorginho para o restante da temporada.

A Ponte Preta entra em campo nesta terça às 20h30 (de Brasília). Depois de empatar com o Atlético Goianiense, a Macaca enfrenta o Bragantino em busca dos três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro.

O post Guilherme Guedes é o novo reforço da Ponte Preta apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Ponte Preta empata sem gols com o Atlético-GO em confronto direto

Em confronto direto pela liderança do Campeonato Brasileiro Série B, Ponte Preta e Atlético-GO fizeram uma partida agitada no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, mas não transformaram as chances criadas em gols e acabaram empatando por 0 a 0, em duelo válido pela décima rodada do torneio.

Com o resultado, a parte de cima da tabela não se alterou. A Ponte continuou no segundo lugar, agora com 19 pontos, empatada com o Bragantino, que se mantém na liderança pelo número de vitórias (6 a 5). Já o Atlético-GO segue na terceira posição, com 18 pontos.

Pela 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta enfrenta o Bragantino na próxima terça-feira, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Nabi Abi Chedid. No mesmo dia e horário, o Atlético-GO recebe o Botafogo-SP em Goiânia.

A Ponte, do técnico Jorginho, não saiu de um empate sem gols com o Atlético-GO (Foto: Álvaro Junior/AAPP)

O Jogo – Apesar do frio intenso, o duelo começou quente em Campinas. Aos seis minutos, após boa trama pela esquerda, Marquinhos cruzou para dentro da área e viu Camilo testar rente à trave do goleiro Kozlinski, quase abrindo o placar para o time da casa.

Apesar da torcida contra, o Atlético-GO não se limitou a se defender. Aos 36, Mike recebeu na esquerda e cruzou para dentro da área. A bola desviou antes de Pedro Raúl marcar de cabeça, o que não aconteceu graças a Ivan, que defendeu com o peito.

A Ponte respondeu no lance seguinte. Após cruzamento de Trevisan pelo lado esquerdo, Kozlinski deu um tapa na bola. No rebote, Marquinhos tentou o chute, mas foi travado por Nicolas e não conseguiu tirar o zero antes do intervalo.

Empurrada por sua torcida, a Macaca voltou pressionando na etapa complementar. Aos cinco minutos, Diego Renan recebeu na direita, cortou para o meio e chutou forte de fora da área, exigindo grande defesa de Kozlinski.

Aos 24, Diego Renan cruzou pela esquerda, a bola quicou e encobriu Jonathan dentro da área. João Carlos pegou a sobra e bateu com força, levando perigo à meta rival. No lance seguinte, Roger recebeu na direita e soltou a bomba, tirando tinta do travessão.

Agressiva, a Ponte mandava no jogo. Aos 33, teve duas chances para marcar. Primeiro João Carlos pegou sobra de cruzamento de Diego Renan e bateu colocado, mas Kozlinski espalmou. Na sequência, Gerson Magrão arriscou de longe e mandou rente à trave. Na base do abafa, a Macaca pressionou nos minutos finais, mas não conseguiu tirar o zero do placar.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 0 X 0 ATLÉTICO-GO

Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 16 de julho de 2019, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães (CE)
Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e Jailson Albano da Silva (CE)
Público: 4.333 pagantes
Renda: R$ 42.915,00
Cartão Amarelo: Marquinhos, Henrique Trevisan, Gerson Magrão e Airton (Ponte Preta); Moacir e Pedro Raúl (Atlético-GO)
Cartão Vermelho: –
Gol: –

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Airton e Henrique Trevisan (Isac); Edson, Camilo, Marquinhos (João Carlos), Matheus Vargas e Gerson Magrão (Alex Maranhão); Roger
Técnico: Jorginho

ATLÉTICO-GO: Kozlinski; Jonathan, Lucas Rocha, Gilvan e Nicolas; André Castro, Moacir e Jorginho; Matheus, Pedro Raúl (Jarro Pedroso) e Mike
Técnico: Wagner Lopes

O post Ponte Preta empata sem gols com o Atlético-GO em confronto direto apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Em busca da liderança, Ponte Preta e Atlético-GO se enfrentam pela Série B

Nesta terça-feira (16), Ponte Preta e Atlético-GO fazem um confronto direto pelas primeiras posições da Série B do Campeonato Brasileiro. No Moisés Lucarelli, às 21h30 (de Brasília), as duas equipes se enfrentam pela 10ª rodada da competição e tentam dar sequência aos bons resultados para seguir na cola do líder Bragantino.

Com nove jogos disputados, a Macaca ocupa a segunda colocação na tabela com 18 pontos conquistados, seguida de perto pelo próprio Dragão, que está em terceiro com 17 pontos. Ou seja, quem vencer fica pelo menos na vice-liderança, podendo chegar à primeira posição caso o Bragantino, que tem 19 pontos, tropece.

A Ponte Preta tem o melhor ataque da Série B do Campeonato Brasileiro (Foto: Reprodução/Facebook)

Vindo de vitória por 3 a 2 contra o Oeste, na primeira rodada após a parada para a Copa América, a Ponte Preta defende uma série de oito jogos sem derrota no Brasileirão. O único resultado negativo ocorreu na primeira rodada, quando a Macaca perdeu para o Coritiba no Couto Pereira, pelo placar de 2 a 0.

Para isso, a equipe comandada por Jorginho aposta na força de seu setor ofensivo. Com 15 gols, o clube alvinegro possui o melhor ataque do campeonato. Um dos cinco artilheiros do time, com dois gols marcados, Roger trata o confronto desta terça-feira como essencial para os objetivos da Ponte.

“Sabemos que o jogo é contra uma equipe qualificada, mas vamos fortes para o jogo, nossa meta inicial neste retorno é vencer os dois em casa e falta um. Duas vitórias agora são importantes, pois podem nos capacitar a buscar a liderança contra o Bragantino na sequência”, declarou o camisa 9.

Atlético-GO tentar manter sequência de vitórias no Brasileirão (Foto: Reprodução/Facebook)

Também vitorioso na última rodada, pelo placar de 2 a 0 em clássico contra o Vila Nova, o Atlético-GO chega com moral para a partida. O Dragão já soma três triunfos seguidos na Série B, com quatro gols marcados e nenhum sofrido.

Em relação ao time titular, o técnico Wagner Lopes pode ter apenas um desfalque. Substituído no último jogo com dores na panturrilha, o zagueiro Gilvan viajou com o restante do elenco para Campinas, mas não está confirmado se o defensor tem condições de entrar em campo.

Após a vitória contra o Vila Nova, Wagner Lopes falou sobre a expectativa para o duelo contra a Macaca. “A gente sabe que não tem nada definido, tem muita competição pela frente e a cada jogo todo mundo tem que estar com esse espírito de buscar se superar para trazer as vitórias necessárias para a gente estar sempre perto do G4”, afirmou o treinador.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA X ATLÉTICO-GO

Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 16 de julho de 2019, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães (CE)
Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e Jailson Albano da Silva (CE)

Ponte Preta: Ivan; Arnaldo, Renan Fonseca, Airton e Abner; Edson, Camilo, Marquinhos, Matheus Vargas e Gerson Magrão; Roger.
Técnico: Jorginho

Atlético-GO: Kozlinski; Jonathan, Lucas Rocha, Gilvan (Oliveira) e Nicolas; André Castro, Moacir e Jorginho; Matheus, Pedro Raul e Mike.
Técnico: Wagner Lopes

O post Em busca da liderança, Ponte Preta e Atlético-GO se enfrentam pela Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Bill é esperado nesta terça para assinar com a Ponte Preta; Abner deve sair

Em busca de se manter nas primeiras posições e consolidar o acesso para a elite do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta segue se movimentando no mercado e deve acertar, nesta terça-feira, a contratação do atacante Bill. O atleta irá passar por exames médicos e clínicos e, em sendo aprovado, assinará contrato por empréstimo para defender a Macaca até o final do Campeonato Paulista do ano que vem.

Bill deve ser o mais novo reforço da Ponte Preta (Foto: Samuel Oliveira/Flamengo)

Com vínculo junto ao Flamengo, Bill, de 20 anos, se destacou no clube Carioca no ano passado ao ser campeão da Copa São Paulo de Juniores 2018. Depois, subiu para o profissional em março deste ano e estreou logo em clássico contra o Vasco, atuando no empate em 1 a 1 da decisão da Taça Rio, quando deu a assistência para o gol de Arrascaeta.

Aos poucos, no entanto, o jovem jogador foi perdendo espaço, tendo atuado pela última vez contra a Chapecoense, pelo Brasileiro. Com contrato até 2021, ficou fora dos planos da nova comissão técnica e acabou por ser negociado com a Macaca para ganhar experiência.

Caso Abner

Enquanto Bill está próximo de ser contratado, quem deve sair é Abner. Em comunicado oficial divulgado em seu site, a Ponte Preta confirmou ter sido informada pelo empresário do jogador que será depositado o valor da multa rescisória do contrato. A tendência é de que o lateral acerte sua ida para o Athletico Paranaense.

“A Associação Atlética Ponte Preta foi informada por meio de representante do lateral Abner, no dia de hoje (15), que o atleta exercerá o diireito do pagamento da multa indenizatória desportiva por transferência nacional. A Ponte aguarda uma notificação de forma oficial nas próximas horas, para se manifestar oficialmente sobre o fato”, escreveu o clube em comunicado.

O post Bill é esperado nesta terça para assinar com a Ponte Preta; Abner deve sair apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva