Guarani e Bragantino fazem duelo de opostos pela Série B


Guarani trabalha duro para sair da zona de rebaixamento na Série B (Foto: Letícia Martins/GFC)

Esta sexta-feira terá duelo de paulistas em situações opostas, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Na briga contra o rebaixamento, no penúltimo lugar, o Guarani recebe o líder Bragantino, no Brinco de Ouro da Princesa, às 21h30.

O Bugre vive momento complicado na competição. Com apenas 10 pontos, a equipe de Roberto Fonseca tenta se recuperar na competição, e uma vitória contra o líder pode dar moral para a equipe subir na tabela. Depois do empate contra o Sport, o time de Campinas tem sequência importante pela frente.

Para reforçar a equipe, no setor da lateral-esquerda, Thallyson foi contratado, regularizado, e já deve fazer a sua estreia, já que Armero e Bidu seguem sem condições físicas. Por outro lado, o zagueiro Ferreira e o volante Deivid são desfalques, pois cumprem suspensões depois de levarem o terceiro amarelo contra o Sport. O goleiro Jefferson também é dúvida, pois na última partida sofreu um choque de cabeça. Em seu lugar, pode entrar o reserva Kléver.

Já o líder Bragantino segue em ótima fase na Série B. Mesmo com o empate em casa na última rodada, a equipe de Antonio Carlos Zago tem três pontos de vantagem para o vice Atlético-GO.

O Massa Bruta está invicto a quatro jogos na competição e pretende aumentar este número. Para isso, o time não tem desfalques e deve entrar com força máxima no duelo contra o Guarani.

Bragantino empatou em casa contra o Cuiabá na última rodada, mas segue na liderança (Foto: Reprodução/Twitter)

FICHA TÉCNICA:
GUARANI X BRAGANTINO

Local: Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data: 02 de Agosto de 2019, sexta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Edina Alves Batista (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

GUARANI: Jefferson (Kléver); Bruno Souza, Bruno Lima, Luiz Gustavo, Diego Giaretta; Bady (Arthur Rezende), Igor Henrique e Ricardinho; Vitor Feijão, Davó e Michel Douglas
Técnico: Roberto Fonseca

BRAGANTINO: Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Nigger e Edimar; Barreto, Uillian Correia e Ytalo; Roberson, Thiago Ribeiro e Claudinho
Técnico: Antonio Carlos Zago

O post Guarani e Bragantino fazem duelo de opostos pela Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Sport empata com Guarani em casa e perde chance de dormir na vice-liderança

Sport e Guarani empataram em 1 a 1 na Arena Pernambuco (Foto: Anderson Stevens/Sport)

Nesta segunda-feira, o Sport perdeu uma grande chance de dormir na vice-liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Em partida realizada na Arena Pernambuco, por conta das fortes chuvas que prejudicaram o gramado da Ilha do Retiro, o Leão empatou com o Guarani em 1 a 1, pela 13ª rodada. Yan marcou para os donos da casa e Davó fez para os visitantes.

Com o resultado, os pernambucanos ficam na quarta colocação, com 22 pontos conquistados. Coritiba e Paraná possuem a mesma pontuação, mas ficam na frente por conta do número de vitórias. Os paulistas, por sua vez, seguem na zona do rebaixamento, em 18º lugar, com dez pontos.

Agora, o Leão recebe o Coritiba na próxima quinta-feira (1), às 21h30 (de Brasília), na Arena Pernambuco. Já o Bugre entra em campo na sexta-feira (2), às 21h30, contra o líder Bragantino, no Brinco de Ouro.

O jogo

O Sport criou a primeira boa chance do jogo logo aos dois minutos. Raul Prata recebeu após cobrança curta de escanteio e mandou na área. Ricardinho cortou e a bola sobrou para Hernane, que finalizou, mas parou na defesa do goleiro Jefferson.

Pressionando desde o início, o Leão conseguiu tirar o zero do placar aos 18 minutos. Ezequiel fez a jogada na entrada da área e acabou esticando demais. Yan aproveitou a sobra e emendou de primeira para o fundo das redes, deixando os donos da casa em vantagem.

Acuado, o Guarani não conseguia criar. Mesmo assim, o Bugre chegou ao empate aos 36 minutos. Bruno Souza tabelou com Igor Henrique e achou belo passe em profundidade para Davó. Na cara do gol, o atacante bateu entre pernas de Maílson e levou o empate para o intervalo.

Logo no começo do segundo tempo, problema para o técnico Roberto Fonseca. Jefferson dividiu no alto com Adryelson e ficou caído. O arqueiro recebeu atendimento médico, mas não conseguiu permanecer em campo e foi substituído por Klever.

E o goleiro reserva foi exigido cedo. Aos sete minutos, Rafael Thyere recebeu passe forte de Yan e correu para evitar a saída. Então, rolou para Charles, que chutou bem de primeira. Porém, o volante viu Klever espalmar e evitar o tento pernambucano.

Aos 33 minutos, o arqueiro do Bugre mais uma vez salvou a meta campineira. Em cobrança de falta, Guilherme encheu o pé e Klever se esticou todo para fazer a defesa com a ponta dos dedos.

No final da partida, o Guarani desperdiçou duas grandes chances de levar a vitória para Campinas. Aos 42 minutos, Igor Henrique cruzou na segunda trave e Davó, sozinho, mandou para fora. E aos 50, Davó achou Deivid Souza, que bateu cruzado pela linha de fundo, mantendo a igualdade no marcador.

SPORT 1 X 1 GUARANI

Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Data: Segunda-feira, 28 de julho de 2019
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique Cardoso de Souza (RJ) e Gabriel Conti Viana (RJ)
Cartões amarelos: Adryelson e Elton (Sport); Roberto Fonseca, Ferreira e Deivid (Guarani)
Gols:
Yan, aos 18 minutos do primeiro tempo (Sport); Davó, aos 36 minutos do primeiro tempo (Guarani)

SPORT: Maílson; Raul Prata, Rafael Thyere, Adryelson (Éder) e Guilherme Lazaroni; Ronaldo, Charles e Leandrinho; Yan, Hernane (Elton) e Ezequiel (Guilherme).
Técnico: Guto Ferreira

GUARANI: Jefferson Paulino (Klever); Diego Giaretta, Ferreira, Luiz Gustavo e Bruno Souza; Deivid, Ricardinho e Igor Henrique; Vitor Feijão (Arthur), Davó e Michel Douglas (Deivid Souza).
Técnico: Roberto Fonseca

O post Sport empata com Guarani em casa e perde chance de dormir na vice-liderança apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Sport e Guarani fazem duelo de opostos na Série B

Em situações opostas na tabela, Sport e Guarani duelam nesta segunda-feira, às 20h na Arena Pernambuco, pela abertura da 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Enquanto os pernambucanos buscam se consolidar no G4, a equipe paulista precisa vencer para sair da degola.

O Guarani vive realidade delicada na classificação. O Bugre está apenas na 19ª posição com nove pontos somados, dois a menos que o Vila Nova, primeira equipe fora do Z4. Caso vença, o time campineiro sai da degola provisoriamente e passa a torcer por tropeços da equipe goiana, Guarani e São Bento.

Bugre deu fim a sequência sem vitórias (Foto: Luciano Claudino / Código19/GPress)

Apesar da má colocação, o Guarani vem embalado após vitória emocionante na última rodada, em confronto direto com o São Bento em casa. O triunfo pôs fim a um período de mais de dois meses sem triunfo.

Já o quarto colocado Leão busca sua segunda vitória seguida para seguir dentro do grupo de acesso à elite do futebol brasileiro. Após três empates seguidos depois da pausa para a Copa América, o Rubro-Negro voltou a vencer na última rodada, batendo o Paraná fora de casa.

A equipe de Guto Ferreira soma 21 pontos, cinco a menos que o líder Bragantino e um a menos que o 5º colocado Botafogo-SP. Se vencer, o Sport assume provisoriamente a vice-liderança do campeonato.

FICHA TÉCNICA
SPORT X GUARANI

Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Data: Segunda-feira, 28 de julho de 2019
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique Cardoso de Souza (RJ) e Gabriel Conti Viana (RJ)

SPORT: Maílson; Norberto, Rafael Thyere, Adryelson e Guilherme Lazaroni; Ronaldo, Charles e Guilherme; Leandrinho , Henani e Ezequiel.
Técnico: Guto Ferreira

GUARANI: Jefferson Paulino; Lenon, Bruno Lima, Luiz Gustavo e Bruno Souza; Deivid, Ricardinho; Igor Henrique, Bady, Davó, Michel Douglas
Técnico: Roberto Fonseca

O post Sport e Guarani fazem duelo de opostos na Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Guarani vence São Bento em casa e se recupera na Série B

Na luta para sair da zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro, o Guarani conquistou importante vitória na noite desta sexta-feira, contra o São Bento em Campinas. A equipe campineira venceu por 2 a 1, com gol no fim, para se recuperar na tabela.

Com o resultado, o Bugre saiu da lanterna da competição e subiu duas posição, assumiu a 18ª colocação, com nove pontos conquistados, a mesma pontuação do São Bento, que é a primeira equipe do Z4 e está na frente do Guarani devido ao saldo de gols.

Bugre deu fim a sequência sem vitórias (Foto: Luciano Claudino / Código19/GPress)

O triunfo foi apenas o segundo do Guarani nesta Série B do Brasileirão e apenas a primeira desde a 3ª rodada, quando havia derrotado o Vitória, também dentro de casa.

Os dois times, porém, seguem dois pontos atrás do Vila Nova, que ainda joga na rodada, neste sábado, contra o líder Bragantino no Serra Dourada.

O jogo – A equipe da casa abriu o placar logo de cara, antes do relógio marcar um minuto de partida. Na primeira ofensiva do time da casa, a defesa do São Bento vacilou e Michel Douglas dominou na esquerda, próximo a área, o atacante cruzou e encontrou Igor Henrique no canto direito da área, que pegou de primeira e acertou um belo chute no canto esquerdo alto do goleiro. Golaço.

O troco dos visitantes veio no começo da segunda etapa. Aos seis minutos, Vinicius Kiss dominou a bola após bate-rebate na frente da área do Guarani e não pensou duas vezes. Encheu o pé e acertou um chutaço, também no canto alto esquerdo do arqueiro bugrino. Tudo igual.

Quando a partida já se encaminhava para o fim, a equipe campineira ganhou uma chance de ouro. Vitor Feijão invadiu a área e foi derrubado por Guilherme dentro dá área. Pênalti. Na cobrança, Michel Douglas teve chute defendido, e após primeira tentativa no rebote de Vitor Feijão, a bola sobrou mais uma vez para o camisa 9, que na segunda chance não desperdiçou. Chute cruzado com o goleiro já caído para decretar a vitória do time da casa.

FICHA TÉCNICA
GUARANI 2X1 SÃO BENTO

Local: Brinco de Outo da Princesa, em Campinas (SP)
Data: Sexta-Feira, 26 de julho de 2019
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva (SE)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Rodrigo Guimarães Pereira (SE)
Cartões amarelos: Ricardinho e Vitor Feijão (Guaraní); Guilherme Mattis, Zé Roberto e Dudu Vieira (São Bento)
Gols: Igor Henrique, no primeiro minuto do 1º tempo, e Michel Douglas, aos 36 dos 2º tempo, para o Guaraní; e Vinícius Kiss, aos seis minutos do 2º tempo, para o São Bento.

GUARANI: Jefferson Paulino; Lenon, Bruno Lima, Luiz Gustavo e Bruno Souza; Deivid, Ricardinho (Vitor Feijão); Igor Henrique, Bady (Filipe Cirne), Davó, Michel Douglas (Deivid Souza)
Técnico: Roberto Fonseca

SÃO BENTO: Gabriel Felix; Pablo, Alisson, Guilherme Mattis e Pablo; Doriva, Fábio Bahia (Caio Rangel), Vinicius Kiss; Minho (Dudu Vieira), Paulo Boia e Zé Roberto (Rafael Silva).
Técnico: Doriva

O post Guarani vence São Bento em casa e se recupera na Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Guarani e São Bento se enfrentam em duelo de desesperados na Série B

Nesta sexta-feira, Guarani e São Bento se enfrentam, em partida válida pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida, que terá início às 20h30, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, será fundamental na briga contra o rebaixamento.

Equipe de Roberto Fonseca é lanterna da Série B (Foto: Letícia Martins/Guarani)

O Bugre amarga a lanterna da competição com apenas seis pontos somados. Tendo vencido apenas uma partida na competição, a equipe campineira vem de uma derrota em casa para o Cuiabá, por 1 a 0, ligando ainda mais o sinal de alerta.

O goleiro Jefferson Paulino afirmou nesta quarta-feira que o Guarani precisa vencer o São Bento de qualquer jeito na partida de sexta-feira. Para isso, acredita ser necessário que os jogadores saibam os pontos positivos observados nos últimos jogos, corrigindo os principais problemas dentro de campo.

“É preocupante porque a gente não está conseguindo as vitórias. Tem evolução, mas as vitórias não estão vindo. Tem que insistir no que está fazendo de bom e minimizar os erros para voltar ao caminho das vitórias”, analisou o arqueiro.

“É ter tranquilidade. Situação não está fácil, a gente teve uma evolução, é nisso que tem que insistir, porque na sexta-feira tem que ganhar de qualquer jeito”, completou.

Doriva busca evolução no São Bento (Foto: Divulgação/São Bento)

A situação do São Bento não é muito melhor. Com apenas nove pontos somados, a equipe de Sorocaba tem duas vitórias na competição. A maior fragilidade do time é o sistema defensivo: foram 17 gols sofridos em 11 partidas. Na última rodada, o Azulão empatou em 1 a 1 com o Cuiabá.

O técnico Doriva acredita que o time teve bom desempenho, destacando a atuação de Paulinho Bóia, emprestado pelo São Paulo até o fim do ano. O treinador ainda chamou a atenção da sequência de jogos do São Bento, que enfrentará Guarani e Criciúma, times que estão na parte de baixo da tabela.

“Temos que saber separar as coisas. Não é fácil sair perdendo na Série B, ainda mais em casa. O torcedor nos ajudou do começo ao fim. A equipe se portou bem, o Bóia entrou muito bem, mostrou o resultado. Estávamos querendo a vitória, temos que tirar coisas boas desse momento. É difícil para o lado do atleta. Os dois jogos que temos pela frente são equipes que estão no nosso porte”, analisou o treinador.

FICHA TÉCNICA
GUARANI X SÃO BENTO

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data: 26 de julho de 2019, sexta-feira
Horário: 20h30 (Brasília)
Árbitro: Claudio Francisco Lima e Silva (SE)
Assistentes: Cleriston Clay Barretos Rio (SE) e Rodrigo Guimarães Pereira (SE)

GUARANI: Jefferson Paulino; Lenon, Ferreira, Luiz Gustavo e Diego Giaretta; Deivid, Ricardinho e Bady; Diego Cardoso, Michel Douglas e Vitor Feijão
Técnico: Roberto Fonseca

SÃO BENTO: Henal; Pablo, Alisson, Guilherme Mattis e Guilherme Romão; Fábio Bahia, Doriva e Fabrício Oya; Cafu, Paulinho Boia e Zé Roberto
Técnico: Gilson Kleina

O post Guarani e São Bento se enfrentam em duelo de desesperados na Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Guarani anuncia contratação do lateral-esquerdo Thallyson para a Série B

Thallyson chega para reforçar posição carente no Guarani (Foto: Reprodução/Facebook)

O Guarani anunciou nesta quinta-feira (25) a contratação do lateral-esquerdo Thallyson para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro. O jogador de 27 anos estava no Sint-Truiden, da Bélgica, e assinou contrato até o final da temporada atual.

O lateral passou pelas categorias de base do CSA e do ASA, clube pelo qual se profissionalizou. Em 2015, foi confirmado por Vanderlei Luxemburgo como reforço do Flamengo, mas não conseguiu se firmar no Rubro-Negro. Desde então, acumulou passagens por Fortaleza, Ferroviária, Ceará, RB Brasil, Vitória, Novorizontino e Sint-Truiden.

Thallyson já foi integrado ao elenco do Bugre e aguarda regularização no BID para poder estrear. Ele chega para ocupar uma posição que conta com Pablo Armero e Bidu. Contudo, pelo fato de ambos terem sofrido com lesões, o zagueiro Diego Giaretta vem sendo improvisado no setor pelo técnico Roberto Fonseca.

Em crise, o Guarani ocupa atualmente a lanterna da Série B do Brasileirão, com apenas seis pontos conquistados. Nesta sexta-feira (26), às 20h30 (de Brasília), o Bugre recebe o São Bento no Brinco de Ouro, em partida válida pela 12ª rodada da competição nacional.

O post Guarani anuncia contratação do lateral-esquerdo Thallyson para a Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Em crise, diretoria do Bugre coloca ingresso a R$ 5

O torcedor poderá pagar R$ 5 para assistir ao jogo da cabeceira sul, e R$ 10 para a arquibancada abaixo do tobogã

Visando a recuperação na Série B, o Guarani anunciou nesta quinta-feira pelas suas redes sociais uma redução no preço dos ingressos para a partida diante do São Bento na próxima sexta-feira, no Brinco de Ouro.

Com a camisa do clube, o torcedor poderá pagar R$ 5 para assistir ao jogo da cabeceira sul, do portão principal, e R$ 10 para a arquibancada abaixo do tobogã. A venda dos ingressos começou na manhã desta quinta-feira e se estende até a hora do intervalo do jogo.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Devido às chuvas, Sport mandará partidas na Arena Pernambuco

Arena Pernambuco será a casa do Sport nas partidas contra Guarani e Coritiba

O Sport está de volta à Arena Pernambuco. As próximas duas partidas do clube na Série B, contra Guarani, na próxima segunda-feira (29), e Coritiba na quinta-feira (1), marcadas inicialmente para a Ilha do Retiro, serão disputadas na Arena em São Lourenço da Mata.

O clube alegou que a troca do local foi feita pensando na preservação do gramado da Ilha do Retiro, muito afetado pelas intensas chuvas que atingem a cidade de Recife desde última sexta-feira (19). A questão financeira também pesou. A diretoria acredita que é uma boa chance de arrecadação.

“Foi um acordo interessante que fizemos com a Arena. Devido também a essa época de chuvas para melhorar o conforto do nosso associado”, disse o presidente do clube Milton Bivar, ao Jornal do Commercio.

O anúncio foi feito pelo clube através de suas redes sociais e dividiu as opiniões dos torcedores. A questão do preço dos ingressos foi levantada, sendo alegado que nas últimas partidas do Leão na Arena as entradas estavam com um preço acima da média. Em contrapartida, a outra parte rubro-negra reconheceu a necessidade de um cuidado especial com o gramado da Ilha do Retiro e vê os jogos como oportunidade para encher o estádio.

Nelo Campos, diretor de futebol do Sport, defendeu a atitude do presidente e sem revelar valores, disse que haverá uma compensação financeira ao clube pelo acordo. “A decisão foi bem tomada pelo nosso presidente. Acabamos de acertar uma reunião com Kleber, presidente da Arena. Eles sempre têm sido muito solidários com o Sport, temos mandado jogos da base lá. Então nada mais do que justo nesse momento que a gente levar os jogos para Arena. A questão da comodidade também para o torcedor, já que as chuvas assolam a nossa cidade. Então prevendo a comodidade nesse momento para esses dois jogos foi uma decisão acertada levar para Arena”, disse.

Na segunda-feira, a diretoria da equipe pernambucana já havia tentado mudar o estádio da partida diante do Brasil de Pelotas, também em função das tempestades, porém, devido à proximidade do duelo, o local foi mantido. O jogo acabou empatado em 0 a 0 e, ao fim da partida, o treinador Guto Ferreira defendeu que a qualidade do gramado interferiu no resultado e na proposta de jogo do seu time.

O próximo compromisso do Sport será na próxima sexta-feira (26), no Durival de Britto, às 21h30, pela 12ª rodada da Série B.

O post Devido às chuvas, Sport mandará partidas na Arena Pernambuco apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Cuiabá aproveita fragilidade do Guarani, vence e afunda rival na tabela

O Guarani chegou à sua sétima derrota na Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, o time comandado pelo técnico Roberto Fonseca recebeu o Cuiabá, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, e novamente frustrou seus torcedores, saindo de campo com o revés por 1 a 0, graças ao gol de Rincon, aos 26 minutos do segundo tempo.

Com o resultado, o Bugre continua na zona de rebaixamento da Segundona e flerta com o retorno à Série C do futebol brasileiro. A equipe de Campinas soma sete pontos em 11 rodadas e figura à frente apenas do América-MG, lanterna da competição com seis tentos.

O Cuiabá, por sua vez, foi para a parte de cima da tabela com essa vitória. Antes na 13ª colocação, a equipe mato-grossense agora aparece em décimo lugar, com 15 pontos, logo atrás do Londrina, nono colocado com 17 tentos.

Cuiabá conquistou três importantes pontos fora de casa se aproveitando da fragilidade do Guarani (Foto: AssCom Dourado)

O jogo – Tentando aproveitar o péssimo momento vivido pelo Guarani, o Cuiabá não perdeu tempo e tratou de dar seu cartão de visitas logo aos dois minutos de jogo. Felipe Marques recebeu pela direita, arrancou, invadiu a área e cruzou rasteiro para Hugo Cabral, que, após ver o goleiro adversário chegar a tocar na bola, mas não atrapalhar a trajetória do passe, bateu de primeira, carimbando o travessão.

Mais agressivo, o Cuiabá sabia o que tinha de fazer com a bola para assustar o Guarani. Aos nove minutos, Rincon recebeu na intermediária, foi conduzindo a bola e ao chegar na entrada da área decidiu soltar uma bomba, assustando o goleiro Jefferson Paulino, que acompanhou o arremate passar bem próximo à sua trave esquerda.

O tempo ia passando e o Guarani seguia desempenhando um futebol digno de zona de rebaixamento. Sem conseguirem trocar passes que resultassem em alguma chance de gol, os donos da casa tiveram que lidar com alguns erros no decorrer dos 45 minutos iniciais e, assim, irem para o vestiário com o empate sem gols, mas que indicava que a qualquer momento o Cuiabá poderia, sim, balançar as redes.

Segundo tempo

O Guarani voltou para o segundo tempo tentando ser mais eficiente, porém, a equipe comandada por Roberto Fonseca não apresentou nada de novo. O Cuiabá, por sua vez, continuava se aproximando do gol. Aos 15 minutos, Jonas cobrou escanteio pela direita, e Paulinho subiu mais alto que a defesa do Bugre para mandar rente à trave de Jefferson Paulino.

Para os visitantes, balançar as redes era apenas questão de tempo. Depois de tanto martelar, o Cuiabá, enfim, conseguiu furar o bloqueio adversário e abrir o marcador aos 26 minutos. Paulinho fez o cruzamento à meia-altura pela esquerda e encontrou Rincon, que desviou da forma que deu para vencer o goleiro adversário e correr para o abraço.

Nos minutos finais, o Guarani se jogou para o ataque na tentativa de empatar a partida a qualquer custo. Aos 40, por pouco que os donos da casa não conseguem, ao menos, assegurar um pontinho na tabela. Renan arrancou pela esquerda e cruzou rasteiro na entrada da área, encontrando Bady, que chegou batendo de primeira, mas mandou por cima do gol de Victor Souza. Assim, coube ao Bugre se conformar com mais uma derrota na Segundona.

FICHA TÉCNICA
GUARANI 0 X 1 CUIABÁ

Local: estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)
Data: 23 de julho de 2019, terça-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)
Assistentes: Sidmar dos Santos Meurer (MG) e Luiz Antônio Barbosa (MG)

Gols: Rincon, aos 26 do 2ºT (Cuiabá)
Cartões amarelos: Jonas (Cuiabá)

GUARANI: Jefferson Paulino; Lenon, Ferreira, Luiz Gustavo e Diego Giaretta; Deivid (Renan), Ricardinho e Bady; Diego Cardoso (Eder Luís), Michel Douglas (Davó) e Vitor Feijão
Técnico: Roberto Fonseca

CUIABÁ: Victor Souza; Jonas, Ednei, Anderson Conceição e Paulinho; Alê (Jean Patrick), Djavan, Escobar e Felipe Marques (Rodolfo); Rincon (Marino) e Hugo Cabral
Técnico: Itamar Schulle

O post Cuiabá aproveita fragilidade do Guarani, vence e afunda rival na tabela apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Guarani recebe o Cuiabá para sair da crise na Série B

Na vice-lanterna da Série B, o Guarani recebe o Cuiabá, nesta terça-feira, no Brinco de Ouro, às 19h15 (de Brasília) pela 11ª rodada. Buscando sair da crise, o time de Campinas quer aproveitar o fator casa para retomar o caminho das vitórias. Essa será a primeira partida do técnico Roberto Fonseca na casa alviverde.

Sem vencer desde a terceira rodada, o Guarani soma apenas seis pontos no campeonato nacional. Na última partida, quando empatou em 1 a 1 com o Botafogo-SP, a equipe conseguiu interromper uma série de cinco derrotas consecutivas.

Com uma sequência de dois jogos seguidos em casa, o Bugre espera conseguir bons resultados para tentar sair da zona de rebaixamento. O Vila Nova, 16º colocado, tem cinco pontos a mais que o Guarani. Nesta terça, o time encara o Cuiabá, e recebe o São Bento, na sexta.

Roberto Fonseca comandará o Guarani pela primeira vez no Brinco de Ouro (Foto: Letícia Martins/Guarani)

Para o confronto, o técnico Roberto Fonseca deve promover o retorno de Ricardinho, que cumpriu suspensão contra o Botafogo de Ribeirão Preto. Ele deve entrar no lugar de Deivid. Na lateral-esquerda, Diego Giaretta deve continuar jogando improvisado.

Pelo lado do Cuiabá, a partida marca o retorno do zagueiro Ednei e do volante Marino, que cumpriram suspensão automática no empate em 1 a 1 contra o Sport. O meia Tony, no entanto, recebeu o terceiro cartão amarelo e não viajou com o grupo.

Outro que não deve entrar em campo é Escudero, com dores musculares. Para seu lugar, o técnico Itamar Schulle deve optar por João Henrique. Na última rodada, foi dele a assistência para o gol do Dourado. Caio Dantas pode jogar no ataque, já que Rincon perdeu um pênalti na última partida e foi substituído no segundo tempo, vaiado pela torcida.

Cuiabá deve esquecer problemas do Guarani para sair com a vitória (Foto: AssCom Dourado)

Na 13ª posição, com 12 pontos, o Dourado precisa da vitória para se distanciar da zona de rebaixamento e subir na tabela. Caso consiga os três pontos, a equipe pode saltar quatro posições. Para isso, o time precisa esquecer os problemas do adversário e entrar focado na partida.

“Independente do problema que o Guarani está passando, eu acho que quando o jogador entra em campo ele faz sempre o melhor. Mas independente disso, a gente vai entrar focado e determinado para buscar o resultado positivo lá”, revelou Anderson Conceição.”Quanto mais você somar melhor, porque em uma competição tão equilibrada quanto a Série B, qualquer ponto é muito importante”, destacou.

FICHA TÉCNICA

GUARANI X CUIABÁ

 

Local: Brinco de Ouro, em Campinas (SP)

Data: 23 de julho de 2019, terça-feira

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)

Assistentes: Sidmar dos Santos Meurer (MG) e Luiz Antonio Barbosa (MG)

 

Guarani: Jefferson; Lenon, Ferreira, Luiz Gustavo e Diego Giaretta; Ricardinho e Igor Henrique; Deivid Souza, Arthur Rezende e Diego Cardoso; Michel Douglas.

Técnico: Roberto Fonseca

 

Cuiabá: Victor Souza; Jonas, Ednei, Anderson Conceição e Paulinho; Escobar, Djavan, Alê e João Henrique; Felipe Marques e Caio Dantas.

Técnico: Itamar Schulle

O post Guarani recebe o Cuiabá para sair da crise na Série B apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva