Jesus critica comportamento agressivo da torcida

O técnico Jorge Jesus aproveitou a entrevista coletiva após o empate diante do Corinthians, neste domingo, na Arena Itaquera, para condenar o comportamento dos torcedores rubro-negros que foram ao aeroporto Santos Dumont para hostilizar e tentar agredir alguns jogadores durante o embarque para São Paulo.

“Não havia justificativa para a violência. Nós fomos eliminados nos pênaltis”, afirmou.

O treinador rubro-negro considerou muito estranha a reação dos torcedores.Jesus disse que para se gostar de um clube tem que se gostar dos jogadores. E defendeu o meia Diego, alvo principal dos protestos.

“O Diego demonstrou o quanto é bom jogador, o grande capitão que é no jogo de hoje. Contra o Ahtletico, ele já, tinha sido o melhor jogador”, disse o treinador.

Jorge Jesus fez questão de esclarecer que não tinha dado qualquer satisfação aos torcedores. Ele disse que só pediu respeito. E mandou seu recado para a torcida do Flamengo:

“No campo, podem xingar, mas fora do palco, tudo acabou”, finalizou

Sobre o empate deste domingo na Arena Corinthians, o treinador considerou que o resultado foi justo porque os dois times travaram um duelo equilibrado.

O post Jesus critica comportamento agressivo da torcida apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Corinthians joga melhor na Arena, mas leva empate no fim do Flamengo

O Corinthians teve uma boa atuação na tarde deste domingo, na Arena, foi superior ao Flamengo, mas um gol marcado por Gabriel, já aos 44 minutos do segundo tempo, impediu que isso se transformasse em vitória. Dominante durante a maior parte do duelo, o Timão havia aberto o placar com Clayson, em pênalti sofrido por Vagner Love, e pouco sofreu até o rebote concedido por Cássio no pé do centroavante.

Com o resultado, o Timão perde a chance de encostar no grupo que se classifica para a Libertadores da América, ficando com 16 pontos conquistados na tabela de classificação. O Rubro-Negro, por sua vez, soma agora 21, também perdendo a chance de chegar mais perto do Palmeiras.

Na próxima rodada, os comandados de Fábio Carille terão pela frente o Fortaleza, no domingo, dia 28, às 19h (de Brasília), no Castelão. Antes, porém, fazem o primeiro jogo das oitavas de final da Copa Sul-Americana, contra o Montevideo Wanderers, quinta-feira, na Arena. Jorge Jesus e sua equipe, por outro lado, encaram o Emelec, na quarta, pelas oitavas de final da Libertadores, antes de enfrentar o Botafogo, no domingo, no Maracanã.

Começo quente, sequência disputada

O duelo começou com intensidade acima do normal na Arena. Mesmo visitante, o Flamengo adiantou suas linhas de marcação e, com menos de dois minutos, Diego já havia feito Cássio trabalhar em chute de longe. A resposta corintiana veio pouco depois, quando Pedrinho conseguiu achar espaço na entrada da área e bateu no canto direito, promovendo defesa segura de Diego Alves para os cariocas.

O jogo seguiu bem disputado, mas passou a ficar menos envolvente com as sequenciais quedas de jogadores pedindo atendimento. Manoel e Vitinho, cada um duas vezes, promoveram a entrada dos médicos em campo para checar seus estados físicos. O Corinthians chegou bem pela esquerda, em jornada participativa de Sornoza, mas a maioria dos lances veio em chutes de fora da área.

O melhor lance da partida veio em jogada ensaiada dos alvinegros, quando Sornoza cobrou escanteio na segunda trave e Pedrinho cabeceou forte para boa defesa de Diego Alves. O time da casa ainda tentou uma pressão, com bolas alçadas na área, uma tentativa de voleio de Sornoza e uma cabeçada rente ao travessão de Júnior Urso, mas o placar foi para o intervalo sem mudar os números.

Corinthians domina, mas leva gol no fim

Carille apostou na mesma formação para o segundo tempo e foi recompensado com a mesma intensidade do começo do jogo. Não demorou para que, em um grande lance individual dos seus melhores em campo, o gol saísse. Pedrinho pegou sobra na entrada da área na defesa e acionou rapidamente Fagner. O lateral foi muito bem, ganhou de Cuellar e deixou Vagner Love na cara do gol. O centroavante invadiu a área e foi derrubado por Berrío. Pênalti convertido por Clayson para abrir o placar.

O gol fez bem aos alvinegros, que superaram uma tentativa de empate rápido do Flamengo e passaram a ditar o ritmo do jogo. Jorge Jesus apostou na entrada de Bruno Henrique na vaga de Willian Arão, mas o maior espaço no meio-campo deu aos anfitriões a possibilidade de adiantar a marcação, evitando a saída rápida dos flamenguistas e ameaçando em boas chegadas de Pedrinho e Avelar.

Jesus, porém, tinha um trunfo no banco, colocando Lincoln na vaga de Gerson. O centroavante foi bem em pivô para furada de Bruno Henrique e depois ganhando escanteio em disputa com Fagner. Na cobrança, Willian Arão cabeceou, Cássio deu rebote e Gabriel empurrou para a rede. Depois de cinco minutos de análise no VAR, o juiz validou o lance e deu o empate para os flamenguistas.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 1 FLAMENGO

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 21 de julho de 2019, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Bernadi e José Calza (ambos do RS)
VAR: Daniel Bins (RS)
Público: 34.737 pagantes
Renda: R$ 2.223.284,60
Cartões amarelos: Clayson (Corinthians); Rodrigo Caio, Berrío, Diego, Rodinei (Flamengo)
Cartão vermelho: Berrío (Flamengo)
Gols:
CORINTHIANS: Clayson, de pênalti, aos 17 minutos do segundo tempo
FLAMENGO: Gabigol, aos 44 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Gabriel (Mateus Vital) e Júnior Urso; Pedrinho, Sornoza (Boselli) e Clayson (Everaldo); Vagner Love
Técnico: Fábio Carille

FLAMENGO: Diego Alves; Rodinei, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar (Bruno Henrique), Willian Arão, Diego e Gerson (Lincoln); Vitinho (Berrío) e Gabriel
Técnico: Jorge Jesus

O post Corinthians joga melhor na Arena, mas leva empate no fim do Flamengo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Corinthians revê Flamengo e tenta embalar no Campeonato Brasileiro

O Corinthians busca manter o bom reinício de Campeonato Brasileiro neste domingo, contra o Flamengo, na Arena, em partida válida pela 11ª rodada da competição. Depois de derrotar o CSA por 1 a 0 no final de semana passado, o Timão recebe o rival, eliminado recentemente da Copa do Brasil e de olho nas oitavas de final da Copa Libertadores, que começam no meio desta semana.

O embate será o reencontro das equipes que se enfrentaram pelas oitavas de final da Copa do Brasil, disputadas entre maio e junho deste ano, com duas vitórias do Flamengo por 1 a 0 naquela ocasião. O mantra no Alvinegro, porém, é deixar de lado a queda no mata-mata para encarar os cariocas dessa vez.

“Independentemente dos últimos jogos, nosso maior objetivo é vencer para subir na tabela. Não temos que ficar pensando no passado e ganhar porque perdemos outros jogos. E, sim, por ambição de ganhar para subir na tabela”, comentou o lateral esquerdo Danilo Avelar.

Na escalação, a novidade é a presença do volante Gabriel no meio-campo. Ralf teve diagnosticada uma lesão no músculo posterior da coxa direita antes do treinamento da sexta-feira e deu lugar ao camisa 5 na formação titular no último teste. Essa será a única mudança em relação aos titulares que enfrentaram o CSA.

No Flamengo, o clima pesou após a eliminação na Copa do Brasil. A torcida não perdoou os erros nas cobranças de pênaltis, principalmente do meia Diego. De olho na Libertadores, o técnico Jorge Jesus pode optar por poupar alguns titulares contra o Corinthians. No entanto, em momento algum, o português mostrou qual será a escalação para a partida.

De certo, o Flamengo não terá o meia Arrascaeta e o atacante Bruno Henrique, lesionados. Os laterais Rafinha e Renê podem ser poupados. Com 20 pontos, os rubro-negros buscam se aproximar do líder Palmeiras, que iniciou a rodada seis pontos a frente na classificação.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X FLAMENGO

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 21 de julho de 2019, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Bernadi e José Calza (ambos do RS)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Gabriel e Júnior Urso; Pedrinho, Sornoza e Clayson; Vagner Love
Técnico: Fábio Carille

FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Trauco; Cuéllar, Willian Arão, Diego e Éverton Ribeiro; Vitinho e Gabriel
Técnico: Jorge Jesus

O post Corinthians revê Flamengo e tenta embalar no Campeonato Brasileiro apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva