Tiago Alves explica “gol de rachão” no Maracanã contra o Flu

Tiago Alves marcou o gol do Ceará de bicicleta (Foto: Felipe Santos/CSC)

O Ceará visitou o Fluminense nesta segunda-feira e saiu do Maracanã com um ponto graças a Tiago Alves. O veterano zagueiro de 35 anos marcou de bicicleta o gol do Vovô, nos acréscimos do primeiro tempo, no empate por 1 a 1 com o Tricolor carioca.

Na saída de campo, Tiago Alves explicou seu raciocínio no momento do gol. “Eu tive felicidade ali, a bola sobrou e foi um recurso. A gente não pensa na bicicleta no jogo, mas eu pensei que, se eu fosse virar dentro da área, muitos jogadores iriam abafar”, disse o defensor ao canal Premiere.

Segundo o zagueiro, os companheiros do Ceará deram apelido bem-humorado para o golaço. “O pessoal brincou que foi um gol de rachão. No rachão eu costumo brincar no ataque. O artilheiro do nosso time no rachão é o Fernando Henrique [goleiro]”.

Tiago Alves destacou a importância do trabalho do time durante a pausa para a Copa América. “A gente treinou para caramba nessa intertemporada da Copa e a gente vem colhendo frutos. Graças a Deus a gente conseguiu um bom jogo hoje”.

Por fim, o defensor dedicou o gol à família e aos amigos. “Nós vivemos de altos e baixos e são poucas pessoas que verdadeiramente nos apoiam no momento difícil. Primeiro agradeço a Deus pela oportunidade de estar aqui jogando futebol, que é o que eu mais amo fazer, e o gol vai para a família, para a esposa e as filhas”.

Depois do empate por 1 a 1 no Maracanã, o Ceará chega a 11 pontos e fica na décima posição do Campeonato Brasileiro. Na próxima rodada, o alvinegro enfrenta o Palmeiras, no Castelão.

O post Tiago Alves explica “gol de rachão” no Maracanã contra o Flu apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Thiago Galhardo lamenta chances perdidas, mas valoriza empate contra Bahia

O Ceará não saiu de um empate sem gols com o Bahia no Castelão neste sábado. Apesar do placar zerado, as duas equipes tiveram chances de marcar em uma partida movimentada, principalmente na segunda etapa.

O meia Thiago Galhardo, que foi o responsável pelas principais oportunidades do Vozão, lamentou os gols perdidos pela equipe, que segundo o jogador teve um bom desempenho no Castelão. O atleta ainda ressaltou que é importante pontuar no campeonato.

“Contra o Santos também tive uma oportunidade e acabei não fazendo. Não teve nenhuma chance claríssima, mas foram jogadas muito bem trabalhadas pelo time. Fizemos um bom jogo, devemos ter tido 70% de posse de bola, criamos oportunidades. Time do Bahia é isso, eles jogam por um contra-ataque, uma bola parada”, afirmou o meia ao Premiere.

“O importante é pontuar, se não ganha, não perde. O empate é um meio termo para nós, que vamos enfrentar o Vasco em busca de pontuar novamente”, completou.

Com o resultado, o Ceará foi a dez pontos somados, na provisória 11ª colocação. Na próxima rodada, o time visita o Vasco, na quinta-feira, às 19h15.

O post Thiago Galhardo lamenta chances perdidas, mas valoriza empate contra Bahia apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Ceará e Bahia não saem do zero no Castelão

Em partida válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, Ceará e Bahia ficaram em um empate por 0 a 0 jogando no Castelão neste sábado. Apesar da falta de gols, a partida foi movimentada e ambas as equipes tiveram chances para marcar. Thiago Galhardo foi o principal responsável pelas ações ofensivas dos visitantes, enquanto Arthur Caíke levou perigo para o Tricolor de Aço com uma bola na trave na segunda etapa.

Com o empate, o Ceará foi a dez pontos, na 11ª colocação. Na próxima e última rodada antes da parada para a Copa América, o Vozão visita o Vasco, na quinta-feira, às 19h15. Enquanto isso, o Bahia chegou a 14 pontos, na provisória terceira posição. O próximo confronto do time será novamente fora de casa, contra o Internacional, na quarta-feira, às 21h30.

Apesar do 0 a 0, jogo foi movimentado e com boas chances no Castelão (Foto: Divulgação/Bahia)

O jogo – Jogando em casa, o Ceará iniciou a partida com mais posse de bola, enquanto o Bahia buscava encaixar contra-ataques com seus extremos Artur e Élber. O primeiro chute a gol foi de Ricardinho, que resolver arriscar de muito longe, porém a bola subiu e saiu por cima.

Depois deste lance, o jogo entrou em um marasmo causado pelos erros de passe dos mandantes e a falta de ofensividade dos visitantes. O Ceará só voltou a levar perigo aos 32 minutos, com Carleto. O lateral-esquerdo finalizou com muita força e curva e obrigou Douglas a fazer uma bela ponte para defender. Logo na sequência, Samuel Xavier tabelou com Bergson e chutou forte com o peito do pé, exigindo nova intervenção do goleiro baiano.

Em uma das poucas jogadas que o pivô de Fernandão funcionou, o centroavante ajeitou para Arthur Caíke, que bateu com a bola quicando, porém ela saiu por cima do travessão. Foi a primeira chegada com perigo do Bahia no jogo.

Logo na sequência, a dupla de atacantes voltou a aparecer no último lance da etapa inicial. Artur cobrou escanteio pelo lado esquerdo, a bola foi rebatida e, na sobra, Fernandão emendou uma bicicleta. Arthur Caíke estendeu o pé e mandou a bola na trave.

Na volta do segundo tempo, o Tricolor de Aço voltou imprimindo um ritmo nome. Gregore recuperou a bola na intermediária ofensiva, avançou e lançou Fernandão em profundidade. O centroavante chegou à frente da zaga e finalizou de esquerda com perigo, porém ela bateu na rede pelo lado de fora.

Na sequência, foi a vez do Ceará chegar: Thiago Galhardo carregou na intermediária e disparou um chute rasteiro de fora de área, obrigando Douglas a fazer defesa no canto direito. O Bahia respondeu no ataque seguinte: Arthur Caíke pedalou e abriu para Artur, que rolou de volta para o xará. O atacante então finalizou de chapa e a bola foi na trave despois de desviar na zaga.

Thiago Galhardo voltou a aparecer bem na partida depois que recebeu ótimo passe em profundidade de Leandro Carvalho. O meia, cara a cara com Douglas, finalizou por baixo, porém a bola passou à direito do gol. O camisa 89 teve nova chance para marcar, mas o goleiro baiano, que teve atuação inspirada, fechou o ângulo e impediu que a bola passasse.

 

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 0 X 0 BAHIA

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 08 de junho de 2019, sábado
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Cartões amarelos: Samuel Xavier, Ricardinho (Ceará), Gregore, Artur (Bahia)

CEARÁ: Diogo Silva, Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio, Thiago Carleto; Fabinho, Ricardinho (Pedro Ken), Fernando Sobral; Thiago Galhardo, Rick (Leandro Carvalho), Bergson (Romário Rodrigues).
Técnico: Enderson Moreira

BAHIA: Douglas Friedrich; Nino, Ernando, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore, Douglas Augusto e Elton (Ramires); Élber (Arthur Caíke), Artur e Fernandão (Rogério).
Técnico: Roger Machado

O post Ceará e Bahia não saem do zero no Castelão apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Bahia visita Ceará no Castelão para permanecer na parte de cima da tabela

Na noite deste sábado, Bahia e Ceará fazem um clássico entre clubes do Nordeste. Os baianos visitam os cearenses, na Arena Castelão, em Fortaleza, às 19h30 (de Brasília), pela oitava rodada, buscando seguir na parte de cima do Brasileirão.

Os comandados de Roger Machado fazem grande campanha e ocupam a 6ª colocação, com 13 pontos, enquanto os de Enderson Moreira querem subir no torneio, já que estão na 11ª posição, com 9 pontos.

Bahia faz grande campanha na competição (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Pela segunda vez consecutiva, o Esquadrão não poderá contar com o atacante Gilberto. Artilheiro do clube na temporada, com 16 gols marcados, o centroavante segue em tratamento de um incômodo muscular. Para seu lugar, Fernandão é o provável substituto.

Este será o primeiro jogo do Tricolor de Aço, este ano, contra o ex-treinador Enderson Moreira. Atual comandante dos baianos, Roger Machado elogiou o técnico do Ceará e falou sobre os pontos positivos e negativos deste reencontro.

“Surpresa a gente sempre procura fazer de alguma forma com adversário que você conhece. Da mesma forma que o Enderson conhece bem o grupo. Equipe bem montada que ele deixou, e eu coloquei minhas ideias. Não sei se é vantagem para ele. Mas conhecer os atletas do outro lado, como funciona a cabeça do treinador, isso te dá informações importantes. O Enderson conhece muito bem a característica individual de cada atleta”, disse Roger.

O atacante Artur também falou sobre o ex-técnico. “Com certeza. Sabemos das dificuldades, sabemos do que o Enderson vai tentar aprontar contra a gente. Então a gente vai pra lá para sair com o trunfo”, comentou.

O Bahia não perde há três partidas no Brasileirão, com dois triunfos e um empate, além de duas vitórias contra o São Paulo pelas oitavas da Copa do Brasil.

Enderson reencontrará ex-clube (Foto: Bruno Aragão/cearasc.com)

Porém o adversário do Tricolor não será fácil. O Ceará, apesar da última derrota para o Santos em casa, irá atuar diante de sua torcida, que costuma lotar o Castelão. A única diferença da última escalação será na lateral esquerda. Com desconforto muscular na coxa, João Lucas dará lugar ao jogador de 30 anos, Thiago Carleto, banco nas últimas partidas.

O lateral Samuel Xavier projetou o duelo e espera uma vitória. “Viemos de um resultado ruim, mas jogamos muito bem, então precisamos manter essa toada e esse ritmo para aumentarmos nossa pontuação. Encaramos equipes fortes e precisamos estar bem para conseguirmos ótimos placares”, concluiu.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ X BAHIA

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 08 de junho de 2019, sábado
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

CEARÁ: Diogo Silva, Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio, Thiago Carleto; Fabinho, Ricardinho, Fernando Sobral; Thiago Galhardo, Leandro Carvalho, Bergson.
Técnico: Enderson Moreira

BAHIA: Douglas Friedrich; Nino, Ernando, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore, Douglas Augusto e Elton; Élber, Artur e Fernandão.
Técnico: Roger Machado

O post Bahia visita Ceará no Castelão para permanecer na parte de cima da tabela apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Felipe avalia positivamente elenco do Ceará antes de jogo contra o Bahia

O Ceará é o 11º colocado na tabela do Campeonato Brasileiro, com nove pontos conquistados (três vitórias e quatro derrotas). A dois jogos da parada para a Copa América, o elenco se prepara para enfrentar o Bahia, no sábado, é importante colher bons resultados agora e um dos caminhos para isso é justamente ter um elenco numeroso e de qualidade, principalmente para suprir possíveis necessidades de última hora.

(Foto: Stephan Eilert/Ceará)

Recuperado de uma lesão na última semana, o meia Felipe teve o que comemorar, mesmo com o revés da última partida, diante do Santos. Já eram quatro anos sem disputar um jogo pela elite nacional e o camisa 10 alvinegro voltou a viver essa emoção na Arena Castelão. Com seu retorno, ele é mais uma opção de criação no meio-campo.

“É importante quem estava de fora voltar. Independente de quem voltar, o Ceará está bem servido. Todos aqui têm qualidade demais e eu tenho certeza que em campo isso vai aparecer”, avaliou. Ele estará disponível para atuar novamente diante do Bahia, no sábado, às 19h (de Brasília), na Arena Castelão.

Na última quinta, o técnico Enderson Moreira realizou treino fechado. A provável escalação deve ter: Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e Thiago Carleto; Fabinho, Ricardinho, Fernando Sobral; Thiago Galhardo, Leandro Carvalho, Bergson.

Outro destaque nos últimos treinamentos do Ceará tem sido a Cidade Vozão, adquirido de forma definitiva na última semana. O equipamento tem sido palco para as atividades e, para Felipe, é muito importante ter à disposição um local como o CT Luís Campos. “Todo mundo recebeu isso da melhor forma. Esse CT vai nos ajudar bastante. Ter essa estrutura nos ajuda a fazer bons treinos e isso é algo necessário pra gente”, finalizou.

O post Felipe avalia positivamente elenco do Ceará antes de jogo contra o Bahia apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Avaí busca primeira vitória na Série A contra o Ceará

Ainda sem vitória no Campeonato Brasileiro, o Avaí recebe o Ceará, na Ressacada, às 20 horas (de Brasília), nesta segunda-feira. Com apenas três pontos em cinco rodadas, o time está na 18ª posição e precisa vencer para sair da zona de rebaixamento. Por outro lado, os visitantes querem os três pontos para se aproximarem da briga por uma vaga na Libertadores.

O técnico Geninho não pode contar com o zagueiro Betão. Ele está suspenso com o terceiro cartão amarelo. A dúvida para a posição está entre Eduardo Kunde e Marquinhos Silva. A defesa pode ser o único setor que sofra alteração com relação à escalação do Leão no empate por 1 a 1 com o Vasco, na última rodada.

Geninho quer a primeira vitória na Série A (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí)

“Fizemos nossa melhor partida contra o Vasco da Gama, a equipe deve ser mantida, até para os atletas entenderem que queremos aquele nível de performance e, se repetimos equipe, é justamente esta mensagem que passamos para eles. Se mudamos algumas coisas, eles entendem que algo não estava dando certo, por isso queremos manter a formação”, afirmou o treinador.

Para o confronto da sexta rodada do Campeonato Brasileiro, o Ceará também deve fazer apenas uma alteração na equipe titular. O goleiro Richard sofreu uma lesão no joelho e não atua mais na temporada. Para seu lugar, Diogo Silva é o escolhido do técnico Enderson Moreira.

Um dos destaques do time na vitória sobre o Grêmio, o meia Ricardinho, falou sobre o que os jogadores precisam fazer para conquistar os primeiros pontos fora de casa. A manutenção da base é importante para seguir com o bom desempenho.

Ricardinho quer ver Ceará repetindo desempenho do jogo com o Grêmio (Foto: Bruno Aragão/CearáSC)

“Todo mundo sabe o que tem que fazer. O professor é muito claro e muito reto no que ele quer. Eu vejo que nós temos uma margem muito grande para evoluir naquilo que o professor pensa, mas quem entrar, vai dar conta do recado”, destacou. “É um jogo muito difícil, jogar na Ressacada é difícil e a gente precisa estar preparado e ter isso em mente”, afirmou.

Antes da partida, será feito um minuto de silêncio em homenagem à Débora Muniz e sua família. A torcedora avaiana de 38 anos faleceu, na última quarta-feira, junto com seus dois filhos (Karoliny Nascimento de Souza,14, e Felipe Nascimento de Souza,13), marido (Fabiano de Souza, 41), irmão (Jonathas Nascimento, 30) e cunhada (Adriane Kruger, 29). Eles foram encontrados em um apartamento alugado em Santiago, no Chile, para onde foram comemorar o aniversário de 15 anos da filha. A polícia investiga o caso, já que bombeiros suspeitam que um vazamento de monóxido de carbono possa ter intoxicado o grupo, provocando as mortes.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ X CEARÁ

Local: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 27 de maio de 2019, segunda-feira
Hora: 20h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)
VAR: Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Avaí: Vladimir, Lourenço, Marquinhos Silva (Eduardo Kunde), Ricardo e Igor Fernandes; Matheus Barbosa, Pedro Castro e Gegê; João Paulo, Brenner e Caio Paulista
Técnico: Geninho

Ceará: Diogo Silva, Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e João Lucas; Fabinho, Ricardinho, Fernando Sobral, Thiago Galhardo, Leandro Carvalho e Bergson
Técnico: Enderson Moreira

O post Avaí busca primeira vitória na Série A contra o Ceará apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva