Roger Machado acredita que vitória dá vantagem importante contra o São Paulo

A vitória conquistada pelo Bahia diante do São Paulo em pleno Morumbi agradou ao técnico Roger Machado. Em partida válida pela ida das oitavas da Copa do Brasil, o tricolor baiano aplicou 1 a 0 e dá certa tranquilidade para decidir a vaga para as quartas em casa, na próxima semana.

“Esse triunfo na Copa do Brasil nos dá uma vantagem importante, significativa nessa competição que a gente sabe que resultado de vitória fora de casa, a gente leva uma vantagem importante para dentro de casa. A estratégia funcionou novamente. A gente já havia, no Brasileiro, no empate, feito ela funcionar bem. Talvez com um pouco mais de contundência nas oportunidades criadas. Hoje a gente controlou bem os espaços, tirando as movimentações do São Paulo, que tem um time leve, hábil”, avaliou após o jogo.

O Bahia encontrou o tricolor paulista também no final de semana pelo Campeonato Brasileiro, mas empatou por 0 a 0. Na quarta-feira, porém, Élber balançou as redes aos 27 minutos do segundo tempo e colocou o time de Roger Machado à frente não só do marcador, como também na disputa pela vaga na próxima fase da Copa do Brasil. Agora, a equipe de Cuca precisa vencer por 2 a 0 para avançar diretamente.

No segundo tempo, sem contar com Gilberto que estava suspenso, o treinador do Bahia optou por tirar Fernandão e colocar Rogério para fazer o papel de atacante centralizado. Ele também justificou esta modificação.

“Não podemos sentar no resultado positivo.O Fernandão tem uma característica de pivô, como jogador de referência, mesmo com campo à frente, ele tem mais dificuldade, é para ser acionado. Quando conseguimos chegar lateralmente, ele pode disputar a bola na área. Quando a gente troca e bota um jogador mais leve, o Rogério já atuou muito como 9 sem ser de referência. O jogo acaba, com o espaço e a característica do atleta, fluindo melhor nessa questão”, finalizou.

Com o revés, o Tricolor terá de reverter a situação na próxima quarta-feira, na Arena Fonte Nova, em Salvador, para avançar às quartas de final da Copa do Brasil.

O post Roger Machado acredita que vitória dá vantagem importante contra o São Paulo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Autor do gol do Bahia valoriza estratégia em vitória no Morumbi

O Bahia depende de um empate para garantir a classificação às quartas de final da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, com um gol marcado por Élber, o time de Salvador largou na frente do São Paulo ao ganhar por 1 a 0 em pleno Estádio do Morumbi.

A equipe visitante marcou o único gol da partida aos 27 minutos do segundo tempo. Em jogada de contra-ataque, Rogério avançou com a bola dominada e levou a melhor sobre Léo e Walce. A sobra ficou com Élber, que definiu com sucesso diante do goleiro Volpi.

“Sabíamos que seria um jogo difícil. O São Paulo é um time muito técnico, mas, com nossa proposta de jogo, conseguimos sair bem: marcar o São Paulo no nosso campo de defesa e sair no contra-ataque. Em uma dessas jogadas, tive a felicidade de sair de frente com o Volpi e fazer o gol”, disse Élber ao Sportv.

O segundo e decisivo confronto entre São Paulo e Bahia pelas oitavas de final da Copa do Brasil está marcado para as 21h30 (de Brasília) da próxima quarta-feira, no Estádio da Fonte Nova. Como ganhou no Morumbi, a equipe de Salvador joga por uma igualdade para passar de fase.

Após o duelo pela Copa do Brasil, o Bahia concentra suas atenções no Campeonato Brasileiro. Pela sexta rodada do torneio, às 19 horas (de Brasília) de domingo, o time defendido por Élber entra em campo para encarar o Fluminense, no Estádio da Fonte Nova.

 

O post Autor do gol do Bahia valoriza estratégia em vitória no Morumbi apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

De volta à Academia de Futebol, Roger analisa Bahia contra o São Paulo

Roger retorna ao Palmeiras como treinador do Bahia (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

No final de 2017, Roger Machado foi contratado pelo Palmeiras e comandou o clube no primeiro semestre da última temporada, de janeiro a julho, por 44 jogos. Até o começo de abril, o treinador ficou sem clube e, finalmente, chegou ao Bahia, onde tem uma sequência de jogos contra o São Paulo que o fizeram voltar à Academia de Futebol após 10 meses do adeus ao Palmeiras.

O treinamento no CT do Alviverde foi a primeira vez que Roger voltou ao clube e o gaúcho ficou satisfeito em rever amigos que fez durante sua passagem. “Sempre muito bom voltar a um lugar que recentemente tive momentos importantes, deixei amigos aqui e fui bem recebido, pude conversar com cada um e foi bom para essa preparação para a sequência da Copa do Brasil”, falou em conversa com a Gazeta Esportiva.

São apenas 10 jogos à frente do clube baiano, com cinco vitórias, dois empates e três derrotas e o treinador ainda busca uma melhor forma de jogar. No último domingo, a equipe começou uma sequência de três jogos contra o Tricolor paulista em um período de 11 dias. Pelo Campeonato Brasileiro, o time de Roger conquistou o primeiro ponto fora de casa em uma partida que ele mudou seu estilo de jogo e gostou do que viu, mesmo com os jogadores desperdiçando boas chances de gol.

Colocando três volantes e apostando nos contra-ataques, Roger ainda viu o Bahia contar com a expulsão de Toró pelo lado do São Paulo, quando o time passou a levar mais perigo ao gol de Thiago Volpi. O técnico chegou a elogiar a exibição após a partida, falando que foi a melhor estrategicamente falando, desde que chegou ao time.

“Foi uma alternativa de posicionamento e características de função, dos três jogadores no meio. Acho que a estratégia funcionou bem na medida do possível. Não tivemos muito a bola, gosto de propor o jogo, mas a gente tem que saber entender e fazer uma leitura adequada do momento e da característica da competição que a gente está jogando. Foi um empate que nos deu um ponto e uma prévia do que pode ser feito no jogo da Copa do Brasil”, disse o treinador.

Com dois jogos no Morumbi em quatro dias, o clube optou por ficar em São Paulo para evitar desgaste físico no deslocamento para Salvador. Além disso, com poucos dias de recuperação e uma nova competição pela frente, Roger destacou o tempo para a preparação para o jogo.

“Pesamos os prós e os contras e o sacrifício de ficar era importante, ficar longe de casa, os jogadores entendem. Viemos no sábado de manha e depois do jogo no domingo, já pensar no treinando para preparar para o jogo. Era importante a gente minimizar o deslocamento e maximizar o descanso e do treinamento, que para essa partida é fundamental”, completou Roger.

 

O post De volta à Academia de Futebol, Roger analisa Bahia contra o São Paulo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

São Paulo avançou em único mata-mata disputado contra o Bahia

Nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Estádio do Morumbi, São Paulo e Bahia iniciam o confronto de oitavas de final da Copa do Brasil três dias depois de um empate sem gols no Campeonato Brasileiro e com uma classificação importante em jogo. No retrospecto, porém, o Tricolor comandado por Cuca leva a melhor, principalmente quando se trata de enfrentamentos em mata-mata.

Ao todo, Tricolores Paulistas e Baianos se enfrentaram apenas uma vez em torneios eliminatórios. E o time do Morumbi saiu de campo classificado. Aconteceu na edição de 2012 da Copa Sul-Americana. Pela segunda fase, que na época colocava frente a frente equipes do mesmo país, o São Paulo venceu o Bahia nos dois confrontos, ambos por 2 a 0, avançou e chegou até a conquista do título, o mais recente da história do clube.

No primeiro embate, realizado no Pituaçu, em Salvador, o Bahia tinha o favoritismo pelo fator casa, a atmosfera pelo retorno a uma competição continental após 23 anos e o bom momento vivido no Brasileiro de 2012, após vitórias sobre Palmeiras e Corinthians. Porém, durante os 90 minutos o time comandado por Caio Júnior foi dominado pelo de Ney Franco.

Em seu segundo jogo após voltar de lesão no ombro que o afastou dos gramados por cerca de seis meses, Rogério Ceni foi o grande protagonista. Logo aos seis minutos, o goleiro-artilheiro marcou seu gol de número 104 na carreira em linda cobrança de falta, no ângulo de Marcelo Lomba, e colocou o São Paulo na frente do placar. Na segunda etapa, aos 23, após grande jogada de Cortez que terminou com a bola na trave, Ademílson só empurrou e fez 2 a 0.

Com a vaga encaminhada após a vitória na capital baiana, o São Paulo recebeu o Bahia disposto a surpreender dentro do Morumbi. E apesar da pressão, o time de Neym Franco se manteve bem postado defensivamente e obrigou poucas intervenções de Rogério Ceni. A exceção foi o arremate de Zé Roberto, aos 13 minutos, que passou rente a trave.

No segundo tempo, Osvaldo e Willian José foram promovidos do banco de reservas e garantiram a classificação para o Tricolor Paulista. O centroavante foi o responsável pelo primeiro gol, aos 19, após linda arrancada e jogada individual. Depois, aos 23, Osvaldo encontrou Maicon livre dentro da área. E o volante chutou meio sem jeito, mas a bola desviou em Lulinha para enganar Marcelo Lomba e entrar no canto direito.

Desta vez, em 2019, a ordem dos mandos será diferente em relação ao primeiro e único confronto decisivo. Depois da partida desta quarta-feira, marcada para o Morumbi, os times decidem a vaga dia 29 de maio, às 21h30 (de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O post São Paulo avançou em único mata-mata disputado contra o Bahia apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Fernandão espera jogos parecidos em sequência de Bahia x São Paulo

O segundo dos três confrontos entre Bahia e São Paulo em apenas 11 dias acontece nesta quarta-feira (20), novamente no Morumbi, mas agora pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Os tricolores empataram na quinta rodada do Brasileirão em jogo com expulsão pelo lado paulista e chances perdidas dos baianos, no final.

O jogo do último domingo marcou uma formação nova de Roger Machado com três volantes que resultou numa boa partida do Tricolor de Aço, mas que parou nas muitas chances desperdiçadas, por falta de pontaria. Com duas oportunidades, Fernandão foi um dos que pecou na finalização. O centroavante vive um jejum de um mês sem balançar as redes e deve ser o titular na partida de ida das oitavas.

Após a boa apresentação no Morumbi, Fernandão acredita que o time baiano pode sair com um resultado positivo. “Expectativa boa, o time está bem treinado. Pegamos uma grande equipe e estamos cientes da dificuldade que vai ser, mas queremos sair com um triunfo, sabemos que temos condição e da nossa capacidade e vamos buscar o resultado”.

Perguntado sobre se existe possibilidade de o Bahia ter uma vantagem por decidir a vaga das quartas na Fonte Nova, ao lado de sua torcida, o atacante desconversou e ressaltou que os jogos devem repetir a mesma pegada que foi o confronto pelo Brasileirão. “Futebol é complicado falar isso. Já vimos inúmeros jogos e viradas, então não dá para falar em vantagem. Imagino um jogo parecido. Vimos a capacidade das duas equipes, da grande partida que foi, mas vamos em busca da classificação”, finalizou Fernandão.

O jogo de ida acontece nesta quarta (22), no Morumbi, às 21h30. A volta, que será na Fonte Nova, também será às 21h30, na próxima quarta (29).

*Especial para Gazeta Esportiva

O post Fernandão espera jogos parecidos em sequência de Bahia x São Paulo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Bahia treina na Academia de Futebol antes de reencontrar São Paulo

Fernandão não marca há um mês (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

No último domingo, o Bahia fez o primeiro dos três jogos contra o São Paulo em um intervalo de 11 dias. Coincidentemente, os tricolores se encaram pelas oitavas de final da Copa do Brasil logo depois de empatarem em 0 a 0, pela quinta rodada do Brasileirão. Com dois jogos seguidos no Morumbi, o time baiano optou por ficar na capital paulista, onde treinou nesta segunda na Academia de Futebol do Palmeiras.

Um dia após o primeiro dos três confrontos, Roger Machado retornou pela primeira vez ao CT onde comandou o Palmeiras em 2018, e realizou um treino leve, com bola e disputa em campo reduzido, sem dar pistas se repetirá a formação que empatou com o São Paulo pelo Brasileiro.

Dentre os comandados, um que deve entrar em campo, já que Gilberto está suspenso para a partida de ida, é Fernandão. No jogo de domingo, o centroavante começou no banco, entrou no segundo tempo e perdeu boas oportunidades de gol, quando o Tricolor paulista já tinha um jogador a menos. Em entrevista coletiva, Fernandão lamentou os lances no Morumbi.

“A gente fica chateado em ter perdido a oportunidade de fazer gol, mas temos que manter a cabeça tranquila, isso é do futebol, acontece. Ainda mais com um centroavante, que esperam muito. A gente tem que deixar a ansiedade de lado nesse momento, ter confiança para entrar tranquilo”, disse o atacante.

Fernandão vive uma seca de gols, sem marcar desde o dia 18 de abril, quando anotou o gol do Bahia na derrota para o Londrina, pela Copa do Brasil. “Infelizmente as pessoas só lembram quando a gente não faz gol, esquecem quando do que a gente já fez. Mas é ter a cabeça tranquila, trabalhar para que volte ao normal, ter confiança no grupo, no treinador”.

Sobre a sequência de partidas entre os dois times em pouco espaço de tempo, Fernandão foi sincero e disse que não gosta da coincidência no calendário. Além de não ver vantagem, já que o sistema tático, já que os times podem mudar o esquema de uma partida para outra. “Sim, isso também cabe ao treinador fazer algumas mudanças no sistema tático, em jogadores. Mas eu não acho legal, jogar seguidamente com a mesma equipe. A gente sabe que em uma semana muita coisa muda, a gente se prepara para cada partida, então não acho legal”, completou o centroavante.

O jogo acontece nesta quarta (22), no Morumbi, às 21h30 (de Brasília).

*Especial para Gazeta Esportiva

O post Bahia treina na Academia de Futebol antes de reencontrar São Paulo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Gilberto minimiza jejum de gols e quer triunfo do Bahia fora de casa

Gilberto se disse pronto para voltar a balanças as redes (Foto: Reprodução/EC Bahia)

O Bahia segue se preparando para mais uma rodada no Campeonato Brasileiro. Antes do treinamento desta quarta-feira, o atacante Gilberto concedeu entrevista coletiva. O camisa 9 não balança as redes há cinco jogos, o último tento foi anotado contra o Bahia de Feira, no triunfo por 1 a 0 na final do Campeonato Baiano.

O centroavante minimizou o período sem marcar. Mesmo assim, pôs a queda física como fator primordial para o jejum, e disse que está pronto para voltar a fazer o que sabe de melhor: gols.

“Estava em um ritmo alto, normal que final de um campeonato para início de outro se tenha uma baixa física, uma queda de rendimento. É normal. Tem que treinar mais, se esforçar mais para voltar ao melhor. Hoje me sinto 100%. Creio eu que vou conseguir voltar a balançar as redes”, disse o atleta.

Desde que Roger Machado assumiu o Esquadrão, o time ainda não conseguiu ganhar fora de casa. Sabendo da importância de somar pontos em qualquer lugar para chegar longe na Série A, o atacante disse que o time tem ido bem, mas precisa melhorar os resultados longe de Salvador

“É importante para quem quer mostrar algo a mais no Brasileiro. A nossa equipe mostrou que tem uma força enorme e fora de casa precisamos mostrar esse potencial”, emendou.

O próximo compromisso do Bahia será neste domingo contra o São Paulo, às 11h00 (horário de Brasília), em jogo válido pela quinta rodada do Brasileirão.

O post Gilberto minimiza jejum de gols e quer triunfo do Bahia fora de casa apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva