Avaí demonstra interesse em Vladimir; Santos estuda renovação

Avaí quer Vladimir em 2020 (Foto: André Palma Ribeiro / Avaí FC)

O Avaí tem interesse em um novo empréstimo de Vladimir em 2020. Enquanto isso, o Santos estuda renovar o contrato, válido até dezembro do ano que vem, por mais 12 meses.

Com pouca chance de permanecer na Série A, o clube de Santa Catarina já pensa na próxima temporada. E o planejamento inclui Vladimir como goleiro titular.

“Estamos conversando com o Santos, sim, porém nada oficial ainda”, disse Diogo Fernandes, coordenador de futebol do Avaí, à Gazeta Esportiva. 

Vladimir vê com bons olhos mais um ano no Avaí, mesmo com a provável Série B. O goleiro está adaptado e não quer correr risco de voltar a ser reserva, como foi no Santos com Vanderlei e antes com Aranha. O cenário ideal seria a renovação no Peixe, com cláusula no Leão da Ilha para saída facilitada em caso de propostas da primeira divisão ou do exterior.

O superintendente de futebol Paulo Autuori vê a possibilidade de renovação com bons olhos e o caso está com o presidente José Carlos Peres. O Sport, atualmente no G-4 da Série B, voltou a procurar o goleiro recentemente e acompanha a situação.

Revelado pelo Alvinegro, Vladimir tem 30 anos e atuou 32 vezes em 2019, com 35 gols sofridos. O Avaí é o lanterna do Campeonato Brasileiro, com 17 pontos.

O post Avaí demonstra interesse em Vladimir; Santos estuda renovação apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Evando não fica no comando do Avaí para temporada 2020

Após a 16ª derrota no Campeonato Brasileiro, o coordenador de futebol do Avaí, Diogo Fernandes, afirmou que o clube já planeja 2020 e tem uma certeza: Evando não seguirá como treinador.

“O Evando não fica como treinador para a temporada 2020. Vamos trazer um treinador para o início da temporada”, comentou.

Conhecido pelo torcedor do Leão da Ilha como ‘Iluminado’, o ex-atacante foi anunciado como técnico do Avaí horas após a saída de Alberto Valentim para o Botafogo.

(Foto: André Palma Ribeiro/Avaí)

“Pelo Evando ter trabalhado junto com o Alberto (Valentim), se entendeu que era melhor dar sequência a ele por já conhecer o grupo. Também para tirar do novo treinador o peso da nossa campanha e começar o ano sobrecarregado”, comentou Diogo, em entrevista ao Grupo VEG Esportes.

Terceiro comandante na temporada, o treinador é figura conhecida do torcedor azurra. Além de ser ídolo do clube catarinense, com mais de 100 gols marcados, integrava a comissão técnica permanente desde 2015.

A pressão sob Evando aumentou após as três derrotas nos três jogos à frente da equipe- antes de perder para o São Paulo por 1 a 0, sofreu revés para o Internacional, por 2 a 0, e Ceará, por 1 a 0. Na lanterna do Brasileirão, com apenas 17 pontos em 27 rodadas, 12 a menos que o Fluminense, primeiro time fora da degola. Assim, o Avaí tem 99% de chance de rebaixamento, segundo matemáticos.

Apesar de não revelar nomes, Diogo Fernandes já traçou o perfil que vai buscar no mercado. “Um perfil de treinador que faça a equipe jogar, que tenha um futebol mais atraente e uma equipe que tenha proposição de jogo”.

O post Evando não fica no comando do Avaí para temporada 2020 apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Inter bate o Avaí fora de casa e volta para o G6 do Brasileirão

Nesta quinta-feira, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Internacional visitou o Avaí e conseguiu uma importante vitória por 2 a 0. Mesmo com excelente partida do goleiro Vladimir, a equipe gaúcha conseguiu os três pontos com gols de Patrick e Sarrafiore.

Com o resultado, o Inter volta para o G6 com 42 pontos, ultrapassando o arquirrival Grêmio. Enquanto isso, o Avaí aparece na vice-lanterna, com apenas 17.

O Colorado volta a campo neste domingo, às 16h, quando recebe o Vasco da Gama no Beira-Rio. No mesmo horário, o Avaí vai até a capital paulista encarar o São Paulo, no Morumbi.

Patrick abriu o placar na vitória do Inter (Foto: Reprodução/SCI)

O jogo começou a complicar logo cedo para o Avaí. Com apenas dois minutos no relógio, Wesley entrou de sola no tornozelo de Bruno Silva e, depois de checagem no VAR, o volante do time catarinense foi expulso.

Em vantagem numérica, o Colorado iniciou uma blitz em busca de abrir o placar. Depois de três oportunidades com Guerrero, Parede e Nico López, a equipe gaúcha achou o gol aos 21 minutos. Em cobrança de escanteio, Patrick aproveitou o rebote de Vladimir, na cabeçada de Roberto, e empurrou para o fundo das redes.

Tentando o empate, o Avaí chegou a assustar em duas oportunidades, aos 27 e aos 29. Na primeira, Matheus Barbosa pegou a sobra e bateu de primeira para boa defesa de Marcelo Lomba. Na sequência, Richard Franco deu uma casquinha de cabeça, e Vinícius Araújo não conseguiu chegar para empurrar para as redes.

Na segunda etapa, quem teve as primeiras chances de gol foi o time da casa. Marcelo Lomba, entretanto, estava atento e impediu o empate do Leão nas finalizações de Lourenço e Richard Franco.

Na sequência, o Colorado respondeu e obrigou o goleiro Vladimir a trabalhar. Aos 17, o goleiro azzurra voou para defender o chute de D’alessandro, e aos 24 fez mais uma boa defesa no chute de Heitor.

Depois de tanto insistir, o Inter chegou ao segundo gol aos 39 minutos. Uendel descolou um belo lançamento para Sarrafiore, que ficou cara a cara com Vladimir e tocou por cobertura para fechar a vitória.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ 0 X 2 INTERNACIONAL

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 17 de outubro de 2019, quinta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
VAR: William Machado Steffen (SC)
Cartões amarelos: Richard Franco (Avaí); Zeca, Roberto e Bruno Fuchs (Internacional)
Cartões vermelhos: Wesley (Avaí)
Gols: Patrick, aos 21 do 1ºT (Internacional) e Sarrafiore, aos 39 do 2ºT

AVAÍ: Vladimir; Lourenço, Betão, Ricardo Talheimer e Paulinho; Wesley, Richard Franco e Matheus Barbosa (Mosquera); Caio Paulista (Luan Pereira), Igor Goularte (Matheus Lucas) e Vinícius Araújo
Técnico: Evando

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Heitor, Bruno Fuchs, Roberto e Zeca (D’alessandro); Bruno Silva, Edenílson e Patrick; Nico López (Sarrafiore), Guilherme Parede (Uendel) e Guerrero
Técnico: Ricardo Colbachini

O post Inter bate o Avaí fora de casa e volta para o G6 do Brasileirão apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

À espera de Coudet, Inter visita o Avaí para voltar a vencer no Brasileiro

Depois de cinco jogos sem vencer, o Internacional volta a campo nesta quinta-feira, às 19h15, quando visita o Avaí na Ressacada, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em momento instável no Brasileirão, o Colorado busca reencontrar o resultado positivo contra um adversário que luta contra o rebaixamento.

Enquanto espera pela concretização da negociação com o argentino Eduardo Coudet, os gaúchos terão mais uma vez Ricardo Colbachini na beira do gramado. O interino não terá vida fácil para escalar o Inter, já que a equipe conta com muitos desfalques.

Na defesa, Rodrigo Moledo e Emerson Santos tratam de dores musculares, enquanto Victor Cuesta cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Dessa forma, Bruno Fuchs e Roberto devem formar a dupla de zaga.

No primeiro turno, o Internacional venceu o Avaí no Beira-Rio (Foto: Ricardo Duarte/SCI)

Já no meio-campo, Rodrigo Lindoso e Nonato seguem em avaliação diária, também por questões médicas. No ataque, Rafael Sobis se recupera de uma lesão muscular e está fora da partida. Por outro lado, William Potker volta a reforçar o elenco.

Quem também fica à disposição é Paolo Guerrero, depois de representar o Peru na Data Fifa. Há dúvidas, entretanto, sobre sua parte física, já que o jogador atuou os 90 minutos contra o Uruguai, na última terça-feira.

Se no Inter o momento é conturbado, dá para dizer que no Avaí a situação é ainda mais complicada. A equipe azzurra vem de cinco jogos sem vencer, mas com o agravante de estar na zona do rebaixamento.

Depois que Alberto Valentim deixou o clube para aceitar proposta do Botafogo, a diretoria efetivou Evando Camillato no comando técnico. Depois da estreia com derrota fora de casa para o Ceará, o novo técnico do Avaí tenta sua primeira vitória, desta vez na Ressacada.

Ainda com o lateral-direito Iury e o atacante Jonathan afastados por um bom tempo no departamento médico, Evando deve mandar à campo o mesmo time que iniciou a última partida.

Na vice-lanterna do Brasileirão, o Avaí aparece com apenas 17 pontos somados até aqui. A distância para o Ceará, primeira equipe fora do Z4, é de nove pontos. Enquanto isso, o Internacional é o sétimo colocado, com 39 pontos.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ X INTERNACIONAL

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 17 de outubro de 2019, quinta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
VAR: William Machado Steffen (SC)

AVAÍ: Vladimir; Lourenço, Betão, Ricardo Talheimer e Igor Fernandes; Wesley, Richard Franco e Matheus Barbosa; Caio Paulista, Igor Goularte e Vinícius Araújo
Técnico: Evando

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Heitor, Bruno Fuchs, Roberto e Zeca; Rodrigo Lindoso (Bruno Silva), Edenílson, Patrick, D’Alessandro e Nico López; Guilherme Parede (Guerrero)
Técnico: Ricardo Colbachini

O post À espera de Coudet, Inter visita o Avaí para voltar a vencer no Brasileiro apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Inter finaliza preparação para enfrentar o Avaí com dúvidas na escalação

Nesta quarta-feira, o Internacional encerrou a preparação para enfrentar o Avaí, na quinta-feira, às 19h15, na Ressacada. O técnico interino Ricardo Colbachini tem dúvidas para escalar o Colorado a ainda não sabe se contará com Rodrigo Lindoso e Guerrero.

O volante deixou a partida contra o Santos sentindo dores na coxa esquerda e sua presença no duelo contra o Avaí ainda é incerta. Por outro lado, o atacante peruano retornou da seleção de seu país e precisa ser avaliado para que sua condição física seja balizada.

Inter busca a classificação para a Libertadores de 2020 (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Com os desfalques de Rodrigo Moledo, Emerson Santos (lesionados) e Victor Cuesta (suspenso), Colbachini deve escalar Bruno Fuchs como titular. Assim, o provável time do Inter para enfrentar o Avaí é: Marcelo Lomba; Heitor, Bruno Fuchs, Roberto e Zeca; Rodrigo Lindoso (Bruno Silva), Edenílson, Patrick, D’Alessandro e Nico López; Guilherme Parede (Guerrero).

Titular com Colbachini, Zeca elogiou o trabalho do interino, mas não deixou de destacar o legado de Odair Hellmann na equipe.

“É um cara que está nos ensinando, tem sonhos. Ele nos colocou que o sonho se realizou, de estar na primeira partida como profissional. Como todo o atleta, eu passei pro isso. Ele tem passado muita coisa boa para a gente, muitas jogadas boas. Está nos deixando à vontade, como o professor (Odair Hellmann) também deixava”, afirmou.

No momento, o Internacional é o sétimo colocado do Campeonato Brasileiro, com 39 pontos somados. O Colorado procura acertar a contratação de um técnico para o final da temporada. O nome favorito da diretoria é Eduardo Coudet, do Racing. No entanto, o argentino já deixou claro que só assumiria um novo time a partir de 2020.

O post Inter finaliza preparação para enfrentar o Avaí com dúvidas na escalação apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

STJD nega pedido de impugnação e mantém resultado de Avaí x CSA

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) negou o pedido de impugnação da partida entre CSA e Avaí, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, nesta terça-feira.

A equipe catarinense havia entrado com o pedido do cancelamento do resultado devido a um suposto erro na aplicação do VAR no lance que gerou um pênalti para o time alagoano, vitorioso no duelo que acabou 3 a 1.

(Foto: Reprodução/ CSA)

O árbitro Anderson Daronco marcou uma penalidade polêmica para o CSA, do lateral Léo em cima do atacante Ricardo Bueno, aos 23 minutos do segundo tempo, quando o duelo ainda estava empatado por 1 a 1. O Tribunal entendeu que não houve uma falha de direito e negou a petição.

“A jurisprudência histórica e pacífica deste STJD é no sentido que somente o erro de direito é que pode servir para arrimar a pretensão de Impugnação ao Resultado da Partida, e o princípio do pro competitione informa que não se deve vulgarizar este instituto, deixando em dúvidas o resultado obtido em campo quando inexistem fundamentos mínimos que arrimem a pretensão”, diz o arquivo assinado por Paulo César Salomão Filho, presidente do STJD.

Na segunda, o Avaí emitiu uma nota de repúdio ao uso do árbitro de vídeo contra si. No último final de semana, na derrota para o Ceará, o clube se sentiu prejudicado novamente, em outro lance de pênalti, determinante para o revés.

O post STJD nega pedido de impugnação e mantém resultado de Avaí x CSA apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Avaí emite nota de repúdio sobre uso VAR; “prejuízo severo e irreparável”

O Avaí emitiu uma nota nesta segunda-feira, indignado com uso do VAR em suas partidas. Segundo o comunicado, o clube já procurou a Comissão de Arbitragem da CBF, mas não se sente nas mesmas condições dos adversários.

“Estamos entregues à própria sorte nesta loteria da arbitragem brasileira e da falta de critério do uso da tecnologia, implantada com o apoio também do Avaí, mas que está sendo muito mal usada em todos os sentidos, gerando todas estas dúvidas, manifestações desencontradas e lamentações de toda ordem, colocando em risco a credibilidade da competição. Repudiamos e lamentamos os fatos”, diz um trecho da nota.

A revolta se dá devido à confirmação do gol de Bergson, do Ceará, na derrota para o Vozão no último domingo, justamente por 1 a 0. Segundo o Avaí, o zagueiro Betão teria sofrido uma falta do atacante no lance do gol.

Ao sair do campo, Betão engrossou o tom. “Se for assim é melhor parar com o VAR no Brasil. Melhor ter erro do árbitro, que não vê o lance em campo, do que ter erro do VAR”, comentou.

(Foto: Reprodução/ Avaí)

É a segunda semana consecutiva que o clube catarinense se mostra revoltado com a tecnologia. No penúltimo domingo, contra o CSA, novamente em um duelo direto pela permanência na Série A, o árbitro Anderson Daronco assinalou pênalti polêmico de Léo em cima de Ricardo Bueno, quando o duelo estava 1 a 1. A partida acabou 3 a 1 para os alagoanos.

Na penúltima posição do Campeonato Brasileiro, o Avaí tem apenas 17 pontos em 25 jogos e tem sérios risco de rebaixamento. Faltando 13 rodadas para o fim do torneio, a Azurra tem nove pontos a menos que o Ceará, primeiro time da zona de rebaixamento.

 

Confira a nota emitida pelo Avaí na íntegra:

O Avaí F.C. lamenta mais uma vez vir a público demonstrar sua indignação contra o mau uso do VAR no Campeonato Brasileiro, causando prejuízo severo e irreparável para nossa agremiação dentro da competição.

A ida do presidente Francisco José Battistotti à CBF manifestar a posição de contrariedade do clube diante do fato ocorrido no jogo contra o CSA, quando o clube foi prejudicado com a marcação pelo árbitro do VAR de um pênalti que o árbitro de campo não deu, pouco adiantou para uma reflexão mais apurada em relação aos critérios de uso do VAR.

Qual não foi nossa surpresa e indignação com outro erro na aplicação do protocolo do árbitro de vídeo neste domingo (13/10), no jogo com o Ceará. No mesmo lance que originou o gol adversário, duas faltas flagrantes. A primeira sobre o goleiro Vladimir, tocado e bloqueado em sua ação de defesa, e sobre o zagueiro Betão, empurrado pelas costas pelo autor do gol. Foi notório o erro do árbitro carioca Marcelo de Lima Henrique ao validar o gol ouvindo apenas o relato do árbitro de vídeo, sem ao menos ter conferido o lance.

Quando o presidente Battistotti foi à CBF, recebeu críticas por ter dito que na comissão de arbitragem ‘É tudo balaio de siri’, expressão muito usada pelo manezinhos da Ilha ao citar os iguais.

Não temos mais a quem recorrer. Afinal, para lances semelhantes como o pênalti em Maceió, o pênalti não marcado no jogo Palmeiras x Atlético e agora este gol validado para o Ceará, interpretações diferentes.

Ouviu de membros da comissão de arbitragem da CBF a seguinte expressão: “Pau que bate em Chico, também bate em Francisco”. Mas, na prática, o pau que bate em Chico em regra geral não bate em Francisco. É algo que nunca aconteceu verdadeiramente. Desde que o mundo é mundo, a lei é seletiva, assim como os seres humanos que a criaram.

Estamos entregues à própria sorte nesta loteria da arbitragem brasileira e da falta de critério do uso da tecnologia, implantada com o apoio também do Avaí, mas que está sendo muito mal usada em todos os sentidos, gerando todas estas dúvidas, manifestações desencontradas e lamentações de toda ordem, colocando em risco a credibilidade da competição. Repudiamos e lamentamos os fatos.

Queremos uma universalidade nas análise do VAR, seja onde estiver o VAR, ou seja, não poderemos ter dois pesos e duas medidas. Ou são dois pesos ou duas medidas.

A falta de voz e representatividade da Federação Catarinense de Futebol nos deixa desamparados, entregues a toda sorte. Nos sentimos sós e abandonados por quem deveria nos defender. Não é à toa que os clubes catarinenses estão embaixo, lutando para permanecer em suas divisões, para um estado que até bem pouco tempo tinha quatro representantes na Série A.

O post Avaí emite nota de repúdio sobre uso VAR; “prejuízo severo e irreparável” apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Horas após saída de Valentim, Avaí anuncia Evando como interino

Sem perder tempo com a rescisão de Alberto Valentim, o Avaí anunciou na tarde desta sexta-feira que o ex-atacante Evando será o treinador interino da equipe na luta pela permanência na Série A.

Evandro é ídolo do Leão da Ilha, com duas passagens como jogador e mais de 100 gols marcados. Desde 2015 integrando fixamente a comissão técnica, o “Iluminado”, como ficou conhecido pelo torcedor, terá sua primeira chance como técnico.

Será o terceiro comandante da equipe catarinense nesta temporada. Depois de conseguir o acesso e o título do Estadual, Geninho foi sacado para a chegada de Alberto Valentim, e agora, com sua volta ao Botafogo, o clube conhece seu terceiro treinador em 2019.

“O futebol é surpresa, quando contrata não contrata para errar. Mas se não der certo, tem que bancar. Estamos apostando no Evando, aconteça o que acontecer ele é funcionário da casa e vai permanecer”, comentou o presidente do clube, Francisco Battistotti.

O ex-auxiliar técnico já comandou o primeiro treinamento na Ressacada.

A estreia oficial de Evando será contra o Ceará, no Castelão, em Fortaleza, no próximo domingo. Na vice-lanterna do Brasileirão, o Avaí somou até o momento apenas 17 pontos em 24 partidas.

O post Horas após saída de Valentim, Avaí anuncia Evando como interino apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Botafogo faz consulta por Alberto Valentim

Após a demissão de Eduardo Barroca no último domingo, devido à derrota por 1 a 0 para o Fluminense, no Engenhão, o Botafogo segue atrás de um técnico para a sequência da temporada.

O nome da vez é Alberto Valentim, atual treinador do Avaí. Segundo a Rádio Brasil, o gerente de futebol do clube carioca entrou em contato com a diretoria avaiana para perguntar como está a situação de Valentim. Porém, além de ter contrato com o Leão até o fim de 2019, o técnico já está apalavrado para a próxima temporada.

(Foto: Reprodução/ Avaí)

Seria a segunda passagem de Alberto Valentim no Botafogo. No início de 2018, o Glorioso foi comandado pelo mineiro de 44 anos, e conquistou 11 vitórias, sete empates e sete derrotas, além de faturar o Campeonato Carioca.

Bruno Lazaroni será o interino até que se resolva a situação. Seu primeiro compromisso será nesta quarta-feira, quando o Alvinegro enfrenta o Goiás, no Nilton Santos, às 19h15.

O post Botafogo faz consulta por Alberto Valentim apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva

Avaí pedirá anulação do jogo contra o CSA alegando uso incorreto do VAR

O Avaí acredita que foi prejudicado pela arbitragem na derrota para o CSA, no último domingo, e deverá pedir a anulação da partida no STJD. O Leão da Ilha alega que o VAR foi utilizado de maneira incorreta, não compreendendo o motivo pelo qual a penalidade contra a equipe catarinense foi marcada.

O lance polêmico aconteceu aos 21 minutos da primeira etapa, quando a partida estava empatada em 1 a 1. Léo empurrou Ricardo Bueno dentro da área com uma de suas mãos e o árbitro Anderson Daronco assinalou a penalidade após consultar o VAR. Na cobrança, Jonatan Gomez converteu e colocou o CSA na frente.

CSA derrotou o Avaí por 3 a 1; segundo gol teve origem em pênalti polêmico (Foto: Célio Júnior/CSA)

Inconformado com a marcação, o Avaí cobra uma explicação do chefe de arbitragem da CBF, Leandro Gaciba, além de querer a divulgação do áudio da conversa entre Daronco e o árbitro de vídeo.

Após a derrota por 3 a 1 para o CSA, o Avaí estacionou na 19ª posição, com 16 pontos somados. Enquanto isso, a equipe alagoana saltou para a 17ª colocação, com 22 pontos conquistados.

O post Avaí pedirá anulação do jogo contra o CSA alegando uso incorreto do VAR apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Ler artigo completo
Fonte: Gazeta Esportiva